Conheça Pau Gasol, a estrela da Espanha na NBA busca ouro olímpico após duas pratas

Gasol foi campeão da NBA em 2009 e 2010 pelo Los Angeles Lakers e formou dupla de sucesso com Kobe Bryant. Em 2012, os dois travaram um grande duelo na decisão pelo ouro nos Jogos Olímpicos de Londres

Conheça Pau Gasol, a estrela da Espanha na NBA busca ouro olímpico após duas pratas
Conheça Pau Gasol, a estrela da Espanha na NBA busca ouro olímpico após duas pratas

Duas vezes campeão da NBA, medalhista olímpico em 2008 e 2012, três vezes campeão da Euroliga de basquete e campeão mundial da FIBA. Pau Gasol é a grande estrela da seleção da Espanha no basquete. Atualmente, o astro defende o Chicago Bulls, a franquia onde Michael Jordan marcou época. Anos atrás, o ala-pivô fez sucesso no Los Angeles Lakers ao lado de Kobe Bryant, conquistando a NBA duas vezes em três finais seguidas.

Gasol disputou as Olimpíadas duas vezes, em Pequim (2008) e Londres (2012). Com a idade avançada, o Rio 2016 será a última no currículo do craque, que sonha com o ouro. Porém, a missão é difícil por conta do forte time dos Estados Unidos.

Mas, Gasol já mostrou que tem capacidade para brigar pelo ouro contra as estrelas americanas que brilham na NBA. Em 2012, por pouco o ala-pivô não conquistou a medalha de ouro. Se não fosse por Kobe Bryant - seu companheiro de Lakers na época - inspirado no último quarto de jogo, a Espanha teria levado a melhor. Confira abaixo a história do jogador e conheça mais.

O início da carreira na Espanha

Pau Gasol iniciou a carreira no basquete em 1996, jogando no CB Cornellà, que era um espécie de categoria de base do FC Barcelona. Nessa época, o atleta chegou jogar de armador, o que contribuiu bastante para seu controle de bola.

Com 16 anos, Gasol já atuava pelo Barcelona, onde foi campeão junior da Espanha. A partir disso, o jogador passou a ser convocado para as categorias de base da seleção espanhola. Em 1998, Gasol começou a chamar a atenção das universidades americanas, mas preferiu permanecer em seu país.

Em janeiro de 1999, Gasol estreou na liga principal da Espanha e jogou três partidas na equipe principal do Barcelona. Porém, seria na temporada seguinte que começaria a se destacar e ganhar mais espaços no time. Em 2000/01, com cerca de 24 minutos de quadra por jogo, teve médias de 11,3 pontos e 5,2 rebotes. O jogador chamou a atenção das equipes da NBA e resolveu se inscrever no Draft.

O ínicio na NBA

No NBA Draft 2001, Pau Gasol foi a terceira escolha e foi selecionado pelo Atlanta Hawks. Mas, numa troca, foi parar no Vancouver Grizzlies, que na mesma temporada mudou a franquia de lugar, indo para Memphis.

Em sua primeira temporada na NBA, Gasol iniciou como reserva, mas uma lesão no pivô titular dos Grizzlies deu chance para o espanhol ganhar a titularidade. No primeiro jogo como titular, contra o Phoenix Suns, anotou 27 pontos e agradou. A partir disso, jogou todas as partidas como titular e foi o único da equipe a jogar todos os jogos da temporada. Terminou com médias de 17,6 pontos, 8,9 rebotes, 2,7 assistências e 2,1 tocos. Foi eleito o NBA Rookie of the Year.

Em 2006, Gasol entrou para a história ao ser selecionado para o All-Star Game, se tornando o primeiro espanhol e primeiro jogador dos Grizzlies a participar do Jogo das Estrelas.

Em 2008, o ala-pivô se transferiu para o Los Angeles Lakers, numa troca onde a franquia da Califórnia mandou o irmão mais novo do espanhol, Marc Gasol, para Memphis. Junto dele, foram os armadores Javaris Crittenton e Aaron McKie, e o pivô Kwame Brown. Pau Gasol encerrou seu ciclo no Memphis Grizzlies tendo jogado 476 jogos e anotado 8,966 pontos.

Sucesso com Kobe Bryant no Los Angeles Lakers

Pau Gasol chegou ao Los Angeles Lakers em 2008. A esperança de todos era que, ao lado de Kobe Bryant, conquistassem títulos e formassem uma dupla de sucesso como o Black Mamba formou com Shaquille O'Neal anos atrás.

Gasol não era como Shaquille O'Neal, mas ao lado de Kobe Bryant tiveram muito sucesso. Logo na estreia, o espanhol impressionou anotando 24 pontos e 12 rebotes. Os bons números da estreia se repetiram por toda a temporada, onde Gasol teve média de 18,8 pontos por jogo e 7,8 rebotes. Os Lakers chegaram as finais, mas acabaram perdendo o título para o maior rival, o Boston Celtics, em seis jogos.

Em 2009, novamente os Lakers de Kobe Bryant e Pau Gasol impressionaram. Gasol teve sua temporada com maior média de pontos na franquia, com 18,9 pontos por jogo, além de 9,6 rebotes por jogo. Outra vez conquistaram a Conferência Oeste e chegaram as finais da NBA. Desta vez, o final foi diferente. Em cinco jogos, os Lakers venceram o Orlando Magic e conquistaram o título. Gasol ganhava ali seu primeiro título.

Em 2010, Gasol fez sua melhor temporada pelos Lakers. Foram médias de 18,3 pontos por jogo e 11,3 rebotes. Comparado as duas temporadas anteriores, a média de pontos foi inferior, mas a de rebotes foi superior, mostrando como Gasol evoluiu dentro do garrafão.

A evolução de Gasol, cada vez mais forte no garrafão, com as habilidades de Kobe Bryant, os Lakers foram os melhores da temporada regular da NBA pelo segundo ano consecutivo, foram campeões da Conferência Oeste e foram para as finais da NBA outra vez, pela terceira vez seguida. O rival na decisão era o Boston Celtics. Na revanche, os Lakers conquistaram o título em sete jogos.

Kobe Bryant com o troféu de MVP Finals e Pau Gasol com o troféu de campeão da NBA (Foto: Divulgação/NBA)
Kobe Bryant com o troféu de MVP Finals e Pau Gasol com o troféu de campeão da NBA (Foto: Divulgação/NBA)

Na temporada 2011/12, os Lakers caíram nos playoffs para o Dallas Mavericks. Mas, na temporada regular, Gasol voltou a se destacar. Jogou todos os 82 jogos e teve médias de 18,8 pontos e 10,2 rebotes. Em 2012/13, os Lakers formaram um grande time com estrelas. Mas, problemas internos atrapalharam a temporada, que acabou sendo salva nos últimos jogos graças a Kobe Bryant. Mas, Gasol também teve bons números, terminando a temporada com 17,4 pontos por jogo e 10,4 rebotes.

A temporada de 2013/14 foi a pior de Gasol pelos Lakers. Sem Kobe Bryant por quase toda a temporada devido a lesão sofrida no tendão de Aquiles no final da temporada anterior, os números de Gasol começaram a cair e a relação começou a ficar desgastada. O espanhol teve médias de 13,7 pontos e 8,6 rebotes, e jogou apenas 49 jogos.

Gasol se recuperou de lesões sofridas na temporada anterior e seus números voltaram a crescer. Teve médias de 17,4 pontos por jogo e 9,7 rebotes. Porém, os Lakers fracassaram novamente. O jogador, desmotivado com o momento da franquia, pediu para sair e queria buscar novos ares. Assim, Gasol encerrou seu ciclo nos Lakers após 429 jogos e 7,610 pontos anotados.

Temporadas sem brilho no Chicago Bulls

Em sua primeira temporada no Chicago Bulls, Gasol conseguiu ter sua melhor média de rebotes na carreira, com 11,8 por jogo. A média de pontos também cresceu, foi a melhor dele desde 2011, com 18,5 pontos por jogo. Foram 78 jogos na primeira temporada, mas os Bulls caíram nos playoffs para o Cleveland Cavaliers de LeBron James, numa disputa intensa.

Já na temporada 2015/16, o Chicago Bulls iniciou bem, mas o nível foi caindo ao longo da temporada e a equipe não conseguiu se classificar para os playoffs. Gasol terminou a temporada com médias de 16,5 pontos por jogo e 11 rebotes após 72 jogos disputados. Agora, o futuro do jogador na franquia é incerto.

Foto: Divulgação/NBA
Foto: Divulgação/NBA

Carreira na Seleção

Pau Gasol não fez apenas sucesso na NBA. Com a Seleção da Espanha, o ala-pivô já conquistou nove medalhas, sendo quatro delas de ouro, quatro de prata e uma de bronze. Gasol já disputou duas Olimpíadas, uma Copa do Mundo da FIBA e seis Euros de Basquete.

Nos Jogos Olímpicos, conquistou duas medalhas de prata. A primeira delas foi em 2008, em Pequim. A segunda foi em 2012, em Londres. Ambas foram contra os Estados Unidos. Na última Olimpíada, o craque quase levou a Espanha a medalha de ouro, mas no último quarto brilhou a estrela de Kobe Bryant, garantindo o ouro para os americanos. No Rio 2016, o espanhol terá a última oportunidade de conquistar o ouro.

Gasol (atrás) tenta evitar que Kobe anote mais pontos para os EUA (Foto: Getty Images)
Gasol (atrás) tenta evitar que Kobe anote mais pontos para os EUA (Foto: Getty Images)

Gasol já disputou seis Euros de Basquete. A primeira vez em sua carreira foi em 2001, na Turquia, quando conquistou o bronze. Depois, vieram duas pratas seguidas, em 2003 na Suécia e 2007 na Espanha.

Após duas pratas seguidas, Gasol e a Espanha enfim conquistaram a medalha de ouro na Euro. E foram três edições seguidas conquistando o ouro. O primeiro veio em 2009, na Polônia; o segundo foi na Lituânia, em 2011; o terceiro foi na França, em 2015.

Foto: Getty Images
Foto: Getty Images

Em 2006, Gasol disputou a única Copa do Mundo FIBA de basquete em toda sua carreira. A Espanha conquistou o título, porém o ala-pivô quebrou o pé na semifinal da competição e por conta disso ficou de fora o restante da competição. A lesão ainda tirou Gasol dos primeiros 19 jogos da temporada regular da NBA.

Foto: Getty Images
Foto: Getty Images