Golden State Warriors e Cleveland Cavaliers disputam título da NBA no decisivo jogo 7

Warriors buscam o bicampeonato sobre os rivais, enquanto Cavs buscam título e feito inédito na história da NBA

Golden State Warriors e Cleveland Cavaliers disputam título da NBA no decisivo jogo 7
Golden State Warriors e Cleveland Cavaliers disputam título da NBA no decisivo jogo 7

Neste domingo (19), o Golden State Warriors recebe o Cleveland Cavaliers na Oracle Arena, em Oakland, pelo decisivo jogo 7 das finais da NBA. Com a série empatada em 3 a 3, o vencedor da partida conquista o título. Para os Warriors vale o bicampeonato, enquanto para os Cavs vale o título e feito inédito. A bola sobe às 21h (de Brasília).

LEIA MAIS: Curry pode se tornar o 11º jogador a conquistar os prêmios de MVP e título na mesma temporada

E MAIS: LeBron James pode se tornar o quinto jogador na história com três títulos e MVP das finais

Nunca na história das finais da NBA uma equipe conseguiu conquistar o título após estar perdendo por 3 a 1. Em todas as 32 vezes que uma equipe abriu esse placar terminou conquistando o título. Apenas em duas oportunidades conseguiram empatar, mas acabaram perdendo. O Cleveland Cavaliers são o terceiro na história a conseguir forçar o sétimo jogo nessa situação, sendo os primeiros da era da NBA. Então, caso conquistem o título, os Cavs conseguirão esse feito histórico e um título inédito, pois nunca conquistaram a NBA. 

O Golden State Warriors busca o bicampeonato da NBA e se firmar no topo da liga após quebrar o recorde do Chicago Bulls de 1995 na temporada regular, com 73 vitórias e apenas nove derrotas. Em 2015, os Warriors bateram os Cavs nas finais da NBA em seis jogos e terão a terceira oportunidade para matar a série, mas desta não podem falhar. A última vez que uma equipe conquistou o título da NBA duas vezes seguidas foi o Miami Heat em 2012 e 2013, quando LeBron James jogava na franquia.

Warriors buscam se encontrar nas finais e superar lesões para conquistar o título

O Golden State Warriors vive com uma onda negativa. Após Draymond Green ser suspenso pela NBA e ficar de fora do jogo cinco que o Warriors acabou perdendo, a equipe ainda perdeu Andrew Bogut por lesão (leia aqui). No jogo seis, era a segunda chance de fechar a série, mas viram Stephen Curry ser expulso pela primeira vez na carreira e ser multado junto com Steve Kerr em US$ 25 mil dólares cada (leia aqui).

Com isso, o técnico Kerr busca recuperar o jogo de sua equipe, que nos últimos dois jogos foram completamente dominados pelo Cavaliers e, consequentemente, acabaram perdendo. As atuações dos Splash Brothers são contestadas e se quiserem ser campeões outra vez os Warriors precisarão dos seus dois principais jogadores jogando tudo o que sabem, pois só assim terão chance contra LeBron James, Kyrie Irving e sua tropa.

Sem Andrew Bogut, com torção no joelho e fora por seis a oito semanas, o técnico Steve Kerr estuda a melhor opção para substituí-lo e só deve divulgar isso momentos antes do jogo. No jogo seis, Kerr falou sobre Festus Ezeli ganhar mais minutos, porém entrou em quadra com um time mais leve e baixo, com Draymond Green improvisado como pivô e Andre Iguodala titular.

Mas, a opção do jogo seis não deu muito certo. Além do baixo aproveitamento nos arremessos, os Warriors ficaram vulneráveis no garrafão e via Tristan Thompson e LeBron James dominaram o setor. Os Cavs mataram o jogo com boa transição e forte jogo defensivo. Por isso que existe a opção de desta vez o técnico Steve Kerr começar com Ezeli titular.

Curry anotou mais de 30 pontos nos dois jogos em Cleveland (Foto: Divulgação/NBA)
Curry anotou mais de 30 pontos nos dois jogos em Cleveland (Foto: Divulgação/NBA)

Cavaliers apostam em agressividade de LeBron James e Kyrie Irving para conquistar título inédito

O Cleveland Cavaliers nunca esteve tão perto de conquistar o título inédito em sua história. O máximo onde parou foi no jogo seis, em 2015, quando terminou com o vice pela segunda vez. Desta vez não tem mais para onde ir e o título é o obsessão.

Tão inspirado como em 2015, talvez até mais, LeBron James vem de dois jogos seguidos anotando acima dos 40 pontos. No último jogo, realizado em Cleveland, o astro ouviu gritos de "MVP". Quem também está jogando muito é Kyrie Irving, que no jogo cinco anotou 41 pontos - assim como James - e juntos protagonizaram o melhor duo da história das finais da NBA.

A esperança dos fãs dos Cavaliers e do técnico Tyronn Lue é na agressividade da dupla de astros e que eles repitam as atuações dos últimos jogos, de preferência a do jogo cinco onde os dois anotaram acima de 40 pontos.

Na série da final, o Cavaliers tem mostrado superioridade sobre os Warriors, apesar do empate no placar. Os jogadores tem sido mais agressivos e fortes defensivamentes - destaque para Tristan Thompson, forçando bastantes erros dos Splash Brothers principalmente, obrigando os jogadores dos Warriors a arriscarem de longe e não entrarem muito no garrafão ou não arrumarem nada quando entrar. Ofensivamente, a agressividade de Irving e LeBron tem dado dor de cabeça e surtido efeito.

LeBron James protagonizou um toco sobre Curry no jogo 5 e levou os fãs a loucura (Foto: Divulgação/NBA)
LeBron James protagonizou um lindo toco sobre Curry no jogo 5 e levou os fãs a loucura (Foto: Divulgação/NBA)