O que acontece com Carolina Panthers?

Atual vice-campeão do Super Bowl, equipe de Charlotte está passando por mais baixos que altos e tem a grande chance de ficar fora dos Playoffs

O que acontece com Carolina Panthers?
Foto: Getty Images

Vice-campeão do Super Bowl na temporada passada, com uma campanha quase perfeita na temporada regular, o Carolina Panthers caiu consideravelmente de nível e tem a fortíssima possibilidade de não ir aos Playoffs nesta temporada, o que seria uma surpresa gigante, ainda mais pelo fato de jogar em uma divisão com outros três times bem irregulares – Atlanta FalconsNew Orleans Saints e Tampa Bay Buccaneers. Mas aí fica a pergunta: o que está acontecendo com os Panthers?

Não é uma pergunta tão simples de ser respondida, pelo fato de vários fatores serem responsáveis por essa queda de uma temporada para a outra. A defesa contra o jogo corrido continua sensacional sobre o comando de Luke Kuechly e Thomas Davis, cedendo apenas 79 jardas terrestres por jogo, segunda melhor média da liga, além de só ter cedido quatro touchdowns em toda a temporada até aqui.

Foto: Getty Images
Foto: Getty Images

O grande problema é o jogo aéreo. Se na temporada passada os Panthers tinham até que uma boa defesa contra o jogo aéreo, cedendo cerca de 235 jardas por jogo, 11ª melhor da NFL, nesse ano a história é diferente. Nesta temporada, os Panthers estão sofrendo demais, conseguindo ceder mais de 270 jardas aéreas por jogo ao adversário, além de já ter sofrido 17 touchdowns neste tipo de lance.

Para se ter uma ideia da diferença, em toda a temporada passada os Panthers cederam 21 touchdowns aéreos. Até aqui, após 11 semanas, a equipe quase bateu o número. Claramente isso mostra a “saudade” de Josh Norman, que foi, sem sombra de dúvidas, mesmo com todas as “polêmicas”, um dos melhores cornerbacks da liga na temporada passada.

Se você pega os números “sólidos” do ataque do Carolina Panthers, principalmente de uma maneira geral, a situação não é tão ruim, com até um bom número de jardas por jogo, principalmente correndo com a bola (cof cof mais por conta do Cam Newton que dos RBs cof cof). Porém, o grande problema é um fator que foi o diferencial da equipe na temporada passada: os turnovers. Além de Cam NewtonDerek Anderson não estarem cuidando bem da bola, combinando para 11 interceptações, sete de Cam e quatro de Anderson, os fumbles também estão fazendo grande diferença.

A equipe de Charlotte já perdeu oito fumbles até aqui na temporada, terceira pior marca, perdendo apenas para San Diego Chargers e San Francisco 49ers. Isso mostra uma certa displicência por parte dos jogadores, que estão cuidando bem mal da bola oval. Mais uma vez como parâmetro de comparação, os Panthers lideraram a liga na temporada passada em diferença de turnovers, terminando com +20, uma verdadeira máquina de roubar a bola do adversário, além de sofrer pouco com isso. Nesta temporada, a equipe está com -7 no quesito, roubando menos a bola e cuidando pior dela.

A questão é: os Panthers estão em maus lençóis na temporada. O título da divisão ainda pode vir, mas no momento é pensar grande demais, já que a equipe está na lanterna da divisão. Sim, a equipe está lanterna em uma das divisões mais bipolares da NFL. O Wild Card é a chance mais provável para uma classificação bem complicada. Talento a equipe tem de sobra, seja no seu fantástico QB ou na sua defesa, principalmente no pass rush. O problema é: regularidade. Se a equipe conseguir manter a regularidade, quem sabe não arranja uma vaga nos Playoffs.