Em alta, seleção feminina da Colômbia brigará por medalha no Rio 2016

Crescendo no cenário mundial, colombianas podem ser um dos destaques dos Jogos Olímpicos

Em alta, seleção feminina da Colômbia brigará por medalha no Rio 2016
(Foto: EFE)

Com uma tragetória muito promissora nos últimos anos e em alta no futebol feminino internacional, a Colômbia pode ser um dos destaques dos Jogos Olímpicos Rio 2016. Jogando em um grupo complicado com os Estados Unidos, as colombianas mostraram que podem e vão lutar por medalhas para manter a boa fase atual.

Primeira seleção depois do Brasil, que já tinha vaga garantida por ser país-sede, a conquistar vaga na Olimpíada, a Colômbia vem crescendo e se destacando no mundo do futebol feminino nos últimos anos. Com um trabalho estruturado na base e grandes nomes aparecendo no time principal, a equipe tem conseguido surpreender nas últimas competições que participou.

Durante a Copa América de 2014, competição que teve o Brasil como grande campeão, as colombianas ficaram com o vice-campeonato, conquistando assim a tão desejada vaga para a Olímpiada, segunda consecutiva com participação da Colômbia. A campanha da equipe foi tão boa que elas foram a única equipe invicta na competição e tiveram a defesa menos vazada, sofrendo apenas dois gols em sete partidas.

A Colômbia perdeu sua principal craque um mês antes do início dos Jogos Olímpicos. Yoreli Rincón, meio-campista colombiana, é o principal nome desse promissor grupo, mas sofreu séria lesão na fíbula e no tornozelo e é ausência confirmada para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro. Para suprir sua ausência, a Seleção terá que encontrar forças em outros nomes no elenco. A meio-campista Tatiana Ariza e a volante Daniela Montoya podem se tornar referências nessa equipe sem sua principal estrela..

Fabian Felipe Taborda atualmente está à frente do comando técnico de seu time nacional e tem muito apoio dos torcedores locais. Ele foi treinador da equipe sub17 colombiana e colocou o país no radar do futebol feminino. Além disso, seu trabalho teve muito destaque pelo vice-campeonato no Sul-Americano da categoria, conquista que o levou para a equipe principal pouco depois. O comandante é considerado um dos principais responsáveis pela evolução da Colômbia na modalidade e tem moral alta na seleção.