Douglas Costa marca, comemora com selfie e Bayern derrota algoz Borussia M'gladbach

Bávaros voltam a derrotar o Gladbach após duas temporadas e abre vantagem na liderança do campeonato

Douglas Costa marca, comemora com selfie e Bayern derrota algoz Borussia M'gladbach
Douglas Costa comemorou o tento da vitória com uma selfie junto com a torcida (Foto: Divulgação/Bayern)
Bayern de Munique
2 0
Borussia M'Gladbach
Bayern de Munique: Neuer, Rafinha (Kimmich, min. 83), Javi Martinez, Hummels, Alaba, Alonso, Vidal, Thiago, Robben (Renato Sanches, min. 80), Douglas Costa (Müller, min. 73), Lewandowski. Técnico: Carlo Ancelotti
Borussia M'Gladbach: Sommer, Korb, Elvedi, Vestergaard, Wendt (Schulz, min. 65), Kramer, Strobl, Johnson, Stindl, Hofmann (Jantschke, min. 46), Hahn (Herrmann, min. 78). Técnico: André Schubert
Placar: 1 - 0, min. 16, Vidal. 2 - 0, min. 32, Douglas Costa
ÁRBITRO: Jochen Drees (ALE). Cartões Amarelos: Kramer (min. 71)
INCIDENCIAS: Jogo válido pela 8ª rodada da Bundesliga, disputado em Munique, na Allianz Arena. Público presente: 75.000 torcedores

Bayern de Munique e Borussia Mönchengladbach se enfrentaram neste sábado (22) em partida válida pela 8ª rodada da Bundesliga 2016/2017, na Allianz Arena, em Munique. Ambos os times vinham de tropeços na rodada passada, quando o Bayern empatou com o Frankfurt por 2 a 2, enquanto o Gladbach parou no desesperado Hamburgo, empatando por 0 a 0.

Jochen Drees foi o árbitro da partida, que terminou com mais uma vitória do Bayern por 2 a 0, após duas temporadas sem conseguir vencer o Borussia M’Gladbach. Os gols foram marcados por Arturo Vidal e Douglas Costa.

O Gladbach retorna a campo na terça-feira (25) quando receberá o Stuttgart, no Borussia-Park, em jogo válido pela DFB Pokal, enquanto o Bayern, também jogando em casa, receberá o Augsburg, na quarta-feira.

Bayern implacável na primeira etapa

O Bayern de Munique, jogando em casa, imprimiu uma grande pressão inicial sobre o Gladbach, mas a primeira grande oportunidade da partida veio através de Fabian Johnson, que sem marcação, sozinho dentro da grande área, isolou. Depois disso os Potros não conseguiram sequer ameaçar a meta de Neuer.

O Bayern continuou pressionando até que aos 16 minutos Rafinha levantou na área e o chileno Arturo Vidal antecipou a defesa adversária para cabecear para o fundo das redes, abrindo o placar na Allianz Arena. O cenário não mudou após o primeiro gol e os bávaros continuaram pressionando com Robben, Lewandowski e Douglas Costa, até que esse último recebeu dentro da área, aproveitando falha de Wendt e ampliou a vantagem dos mandantes.

Em um grande primeiro tempo, o Bayern continuou dominando todas as ações ofensivas da partida e apesar de inúmeras chances para marcar, terminou a etapa inicial com apenas 2 a 0 no placar.

M’Gladbach melhora, mas não consegue reagir

O Borussia M’Gladbach retornou para a etapa final com uma alteração, com Tony Jantschke entrando na vaga de Hofmann, alterando a configuração tática da equipe, o que deu algum resultado para a equipe comandada por André Schubert, que enfim conseguiu ter um pouco da posse de bola e incomodar o Bayern.

Os bávaros, que detinham uma boa vantagem, diminuíram o ritmo e não incomodaram tanto o goleiro Sommer como na etapa inicial, enquanto os visitantes continuavam buscando se encontrar dentro da partida e através de André Hahn, conseguiram assustar os líderes no campeonato. Korb fez um excelente levantamento e Hahn finalizou na trave, quase descontando para os Potros.

Com mais posse de bola e conseguindo trocar alguns passes – o que não ocorreu na primeira etapa – o time visitante até chegou algumas vezes ao campo de ataque, mas com exceção a chance de Hahn, não incomodou o time comandado por Carlo Ancelotti, que por sua vez quase chegou ao terceiro gol com David Alaba, que no último minuto de partida, em cobrança de falta quase perfeita, ampliou o placar, no entanto Yann Sommer evitou com uma grande intervenção, mantendo o placar em 2 a 0, em mais uma vitória do Bayern de Munique, a 1ª sobre o Borussia M’Gladbach desde Janeiro de 2014.