Leverkusen sai na frente, mas cede empate ao CSKA e adia classificação na UCL

Leões saem em vantagem só que os russos empatam em cobrança de pênalti, frustrando chances de avançar às oitavas nesta rodada

Leverkusen sai na frente, mas cede empate ao CSKA e adia classificação na UCL
Foto: Divulgação/Uefa
CSKA
1 1
Bayer Leverkusen

No Stadion PFK o CSKA recebeu o Bayer Leverkusen em jogo válido pela quinta rodada da fase de grupos da Uefa Champions League 2016/17 pelo grupo C, nesta terça-feira (22). Os russos já não tinham mais chances de classificação para próxima fase, mas iria brigar pelo menos por uma vaga entre os melhores terceiros para ir a Europa League. Os leões querendo se aproximar da fase seguinte precisava de uma vitória para ficar bem próximo da vaga.

Em duelo equilibrado a partida terminou empatada em 1 a 1. O gol do time da casa foi marcado por Natcho em cobrança de pênalti. Para os visitantes o gol foi de Volland. O resultado deixou o time da capital russa na última colocação com três pontos. Já os alemães estão em segundo com sete pontos.

A próxima partida do CSKA pelo grupo é contra o Tottenham no estádio de Wembley, enquanto que o Bayer Leverkusen recebe o Monaco na Bay Arena. Os jogos serão realizados no dia sete de dezembro. Pela Premier League Russa a equipe de Leonid Slutskiy recebe o Rubin Kazan. Os leões vão até a Allianz Arena enfrentar o Bayern de Munique pela Bundesliga. Os jogos serão realizados no próximo sábado (26).

Os leões começaram em cima do time da casa e aos oito minutos em boa troca de passes entre Kampl e Brandt, o meia-atacante deu a bola na medida para Çalhanoglu arriscar rasteiro e levar perigo a meta de Akinfeev.

Mas aos 16 minutos abriram o marcador em cobrança de falta ensaiada batido por Çalhanoglu. O turco cobrou rasteiro e deu para Kampl, o esloveno tocou para Volland dominar e bater com o pé direito e deixar os alemães em vantagem no marcador.

Por pouco o time da casa não empatou a partida com participação do brasileiro Mario Fernandes, o lateral tabelou com Milanov e depois passou a bola para Dzagoev, o jogador da seleção russa arriscou com perigo sobre o gol de Leno.

Na etapa final os mandantes foram pra cima e quase empataram com Golovin, após bate rebate na área a bola sobrou para o camisa 17 arriscar em cima de Leno que fez a defesa em cima da linha.

Só que aos 30 minutos tiveram um pênalti a seu favor, Mario Fernandes foi derrubado dentro da área por Henrichs. Na cobrança, o israelense Natcho bateu e converteu, deixando tudo igual. E a virada quase veio com Dzagoev, o jogador recebeu sem marcação e mandou pra fora.

Kevin Volland quase marcou um golaço em jogada individual dentro da área e arrematou a bola na trave, quase dando a vitória a sua equipe na partida.