Atlético de Madrid bate Celta fora de casa com dois de Griezmann e conquista primeira vitória na Liga

Após primeiro tempo regular, Atleti não perdoou e goleou o Celta de Vigo

Atlético de Madrid bate Celta fora de casa com dois de Griezmann e conquista primeira vitória na Liga
(Foto: Divulgação/Atlético de Madrid)
Celta de Vigo
0 4
Atlético de Madrid
Celta de Vigo: Celta de Vigo - Sergio Alvarez; Hugo Mallo, G. Cabral. Sergi Gomez, Johny Castro; Pablo Hernandez, Nemanja Rodoja, Was (Giuseppe Rossi, min. 68); Josep Sene (Pione Sisto, min. 75), Iago Aspas, Theo Bongonda (Pape Diop, min. 86).
Atlético de Madrid: Atlético de Madrid - Oblak; Juanfran, Stefan Savic, Diego Godin, Filipe Luis; Saúl Ñíguez, Gabi (Tiago, min. 82), Koke; Griezmann, F. Torres (Kevin Gameiro, min. 63), Carrasco (Angel Correa, min. 68).
Placar: GOLS - 0-1, min. 53, Koke. 0-2, min. 73, Griezmann. 0-3, min. 80, Griezmann. 0-4, min. 89, Angel Correa.
ÁRBITRO: Santiago Jaime Latre
INCIDENCIAS: Terceira rodada do Campeonato Espanhol

Neste sábado (10), Celta de Vigo e Atlético de Madrid se enfrentaram pela terceira rodada do Campeonato Espanhol, em partida realizada no estádio Municipal de Balaidos, em Vigo. Tendo o domínio do jogo desde o primeiro tempo e criando mais oportunidades de gol, o Atléti não deu chance ao Vigo e goleou por 4 a 0, com gols de Koke, Angel Correa e dois de Griezmann.

Os colchoneros chegam aos cinco pontos em três partidas, enquanto o Celta faz a terceira derrota em três partidas. Na próxima rodada, o Celta Vigo viaja até Osasuna para tentar marcar os seus três primeiros pontos, no domingo (18), às 7h. Já o Atlético, recebe o Sporting Gijón no sábado (17), às 11h15.

Primeiro tempo equilibrado e ineficiente

O jogo começou com certo equilíbrio e muitas “idas e vindas”. O Atléti chegava bem à frente, mas não suficientemente forte para marcar. Movimentavam-se bem, mas pecavam no último passe ou na finalização.

Aos 19’, quando tudo aconteceu certo, Griezmann finalizou forte de frente para o gol e o goleiro do Celta defendeu. O Celta quando chegou, levou perigo à meta de Oblak. Como aos 33’, quando Bongonda cruzou muito forte a bola saiu bem perto do gol. Nenhuma das duas equipes agressivas o suficiente para vencer a partida, que terminou empatada em 0 a 0 no primeiro tempo.

Domínio do Atléti e partidaça de Griezmann

O segundo tempo começou com ansiedade por parte das duas equipes. O Atléti entendia que poderia vencer e começou a buscar isso. Aos 9’, Griezmann deu bela assistência para Koke abrir o placar no Balaidos: 1 a 0 Atlético.

Após o gol, o Atléti começou a ser mais forte e contundente que o adversário. A agressividade que faltou no primeiro tempo, chegou a tempo no segundo. Tanto que, aos 23’, Saúl Ñíguez chutou com o lado de fora do pé e a bola saiu do lado da trave. Um pouco depois, aos 28’, Saúl fez grande jogada e Griezmann marcou um bonito gol: 2 a 0 Atlético.

Sendo muito superior após os dois gols, o Atléti começou a ser ainda mais cirurgico e preciso. Aos 35’, um cruzamento perfeito de Juanfran e uma cabeçada precisa de Griezmann. De novo ele: 3 a 0 Atlético. Nenhum pouco satisfeito com o placar já favorável, aos 44’, Angel Correa marcou o quarto da partida. E assim findou-se a partida: 4 a 0 para o Atlético, em Vigo.