Jogando em casa, Bilbao vence e acaba com invencibilidade do Sevilla no Espanhol

Bascos conquistam quarto triunfo seguido e sobem na tabela, enquanto andaluzes perdem oportunidade de liderar momentaneamente

Jogando em casa, Bilbao vence e acaba com invencibilidade do Sevilla no Espanhol
Foto: Reprodução/La Liga
Athletic Bilbao
3 1
Sevilla

Na tarde deste sábado (24), o Athletic Bilbao venceu o Sevilla por 3 a 1, no San Mamés, pela sexta rodada do Campeonato Espanhol 2016/17. O resultado foi construído com gols de Mikel San José, Balenziaga e Aduriz a favor dos mandantes e Nasri para o time da Andaluzia.

O clube basco conquistou o quarto triunfo consecutivo e agora soma 13 pontos, momentaneamente ocupando o terceiro lugar na tabela. Enquanto isso, os tricampeões da Europa League perderam a invencibilidade na liga e estacionam nos 11 pontos, uma posição abaixo do rival de hoje.

Enquanto a base titular recente do Bilbao foi mantida pelo técnico Ernesto Valverde, Jorge Sampaoli mandou um Sevilla diferente a campo no País Basco. No gol, Sirigu retomou a vaga de Sergio Rico. Outros jogadores que voltaram ao time foram Kolo, Kranevitter, Sarabia e Carlos Fernández. Com a bola rolando, poucas chances claras no primeiro tempo.

Foto: Reprodução/La Liga

Pressionando os andaluzes contra a parede, os mandantes ameaçaram com Iñaki Williams, que mandou uma finalização para fora e exigiu boa defesa de Sirigu, e Raúl García, outro que errou o alvo. De voleio, Beñat também tentou, sem muito perigo, assim como o artilheiro Aduriz. Se as oportunidades não eram concretas, havia volume de jogo. E saiu o gol. Aos 28 minutos, em jogada ensaiada, De Marcos concluiu para defesa do goleiro sevillano, mas o zagueiro Mikel San José apareceu na pequena área para abrir o placar: 1 a 0 Athletic.

Na etapa final, aos seis minutos, o Bilbao aproveitou erro de Kranevitter na saída de bola e quase ampliou. Após ser lançado em profundidade, Aduriz tentou encobrir Sirigu mas mandou alto demais. Apesar do lance perigoso, os visitantes não demoraram para encontrar o gol. Aos dez, Nasri recebeu de Mariano pela direita, tabelou com Iborra e acionou Sarabia. Rente à linha de fundo, o camisa 17 cruzou. Depois de Kepa Arrizabalaga espalmar para a região central da área, Nasri apareceu sozinho e balançou as redes: 1 a 1.

Logo depois do gol, Correa sentiu lesão e deu lugar a Vitolo. Na sequência, porém, Sampaoli mexeu por opção técnica ao trocar Carlos Fernández por Franco Vázquez. Só que quem voltou a alterar o marcador foi a equipe de Ernesto Valverde. Aos 21 minutos, o lateral-esquerdo Balenziaga recebeu presente do Sevilla na intermediária, aplicou lindo drible da vaca sobre Mariano, invadiu a área e bateu cruzado sem chance alguma para Sirigu: 2 a 1. A resposta do tricampeão da Europa League surgiu aos 27, quando Sarabia dominou na área e obrigou Arrizabalaga a fazer ótima intervenção no canto direito.

Na reta final da partida, as linhas defensivas do Athletic realizaram um excelente trabalho freando as ações do ataque posicional sevillano. Prova disso é que as melhores oportunidades de gol foram justamente dos donos da casa, aos 35 e 36 minutos. Primeiro, Enric Saborit desarmou Iborra e o 3 a 1 só não pintou no placar porque Mercado chegou na hora H para evitar a finalização do meia basco. Depois, Williams mandou de longe e Sirigu defendeu.

A partir daí, o Sevilla investiu no abafa derradeiro. Após lançamento em profundidade, Vietto sofreu pênalti do goleiro Kepa, mas impedimento já era corretamente assinalado. A infração fatal acabou dada minutos mais tarde, só que a favor do Bilbao. Aduriz recebeu bola longa, por cima, na área. Sirigu pulou e agarrou tranquilamente, porém perdeu a cabeça e acertou um cotovelaço no atacante rival: pênalti e cartão vermelho para o goleiro. Com Iborra fazendo as vezes de guarda-metas, o camisa 20 dos bascos converteu a cobrança no canto esquerdo e fechou a conta: 3 a 1.

Na próxima rodada, os comandados de Valverde visitam o Málaga, às 13h30 de domingo (2), em La Rosaleda. Antes, porém, medem forças com o Rapid Viena pela segunda rodada da Europa League a partir das 16h05 de quinta (29). O Sevilla volta a campo por La Liga no sábado (1º), diante do Alavés no Ramon Sánchez Pizjuán às 11h15 de Brasília, mas tem compromisso marcado para 15h45 de terça (27) contra o Lyon pela Champions League, em casa.