Envolvido em nova polêmica, volante italiano Marco Verratti é flagrado fumando

Imagem do italiano fumando já foram apagadas da rede social, mas seguem circulando na imprensa mundial; no fim de semana ele reclamou ao ser substituído

Envolvido em nova polêmica, volante italiano Marco Verratti é flagrado fumando
Foto: Reprodução

O volante Marco Verratti se envolveu em mais uma polêmica. Nesta quinta-feira (27), fotos do italiano fumando foram divulgadas nas redes sociais. As imagens foram publicadas, de acordo com a imprensa europeia, pela esposa de Marquinhos, Carol Cabrino, no Snapchat. As imagens tinham o zagueiro brasileiro em primeiro plano, mas Verratti estava ao fundo tragando um cigarro.

No final de semana, o camisa 6 do Paris Saint-Germain já havia polemizado ao reclamar de uma substituição feita pelo técnico na partida contra o Olympique de Marseille. Ele questionou a mudança no banco de reservas, diante de seus companheiros e do restante da comissão técnica.

Em entrevista coletiva, o treinador Unai Emery colocou panos quentes na situação: “A qualidade de Marco é importante para a equipe, mas ele vai ser gerido, da mesma forma como todos. Vamos jogar o próximo jogo e é importante sua presença para a equipe. Hoje ele está melhor do que um mês atrás. Em primeiro lugar, ele melhorou muito fisicamente. É crucial ter uma boa gestão do seu estado físico. Agora, ele deve melhorar para a sequência, e tenho certeza que irá conseguir isso.

Marco Verratti foi relacionado pelo técnico para o confronto desta sexta-feira (28) contra o Lille, pela 11ª rodada da Ligue 1. O Paris Saint-Germain está na terceira colocação do campeonato com 20 pontos. O líder Nice tem 26.

É claro que o nosso objetivo é ganhar o campeonato. Hoje estamos em terceiro lugar, após dez rodadas. O Nice tem feito grandes partidas e abriu uma vantagem, assim como o Monaco. Nosso objetivo é ser melhor do que hoje, para cumprir nossa meta de ganhar o campeonato. Se não formos líderes em dezembro, mas a equipe progredir, será algo bom. Em seguida, esperamos assumir a liderança o mais rápido possível”, disse Unai Emery em entrevista coletiva.