Da Serie D à Serie A, como o Sassuolo conseguiu surpreender no futebol italiano

Após a chegada da empresa Mapei, time neroverde está dando trabalho aos grandes na Itália, sendo uma equipe cuja surpreende o futebol com suas grandes atuações

Da Serie D à Serie A, como o Sassuolo conseguiu surpreender no futebol italiano
Foto: Getty Images

Unione Sportiva Sassuolo Calcio, fundado em 1920, é um clube da cidade em que carrega no seu nome, localizada na provincia de Modena, no norte da Itália. Com pouco mais de 40 mil habitantes, o Sassuolo tem o privilégio de ser a única equipe de futebol da Comuna, tendo um espaço especial nos corações dos moradores desta pequena cidade na vasta Itália. Os Neroverdi, como são carinhosamente chamados, manda seus jogos no estádio Mapei, ou Città del Tricolore, que se transforma em um caldeirão em todos os jogos do Sassuolo.

O início do Unione Sportiva Sassuolo Calcio

Mas antes da atual bela história do Sassuolo, o clube demorou para ser figura importante no cenário do futebol do país da bota. Mesmo fundado no ano de 1920, somente em 1968 que foi pela primeira vez jogar um campeonato profissional, que no caso foi a Serie D do futebol italiano, assim adotando as cores verde e preta, abandonando as anteriores que eram o amarelo e vermelho. Sem nenhuma expressão, o Sassuolo ganhou seu primeiro acesso para a Serie C2 em 1984, mas nunca conseguindo engrenar e subir de divisão.  

Mesmo com todas dificuldades, o Sassuolo precisou de 14 temporadas na Serie C2 para alcançar a Serie C1, mas os Neroverdi não tinham grandes investimentos para almejar patamares maiores na sua história.  Nos anos 70 e 80, o Sassuolo realizava boas campanhas, mas não conseguia chegar entre os primeiros, figurando no meio da tabela nos campeonatos. A entidade chegou até mudar de nome por conta de um patrocínio de uma empresa americana, mudando suas cores e uniformes. 

Entre idas e voltas para Serie D e Serie C, os anos 90 não foram diferentes, estagnado nas divisões inferiores, o Sassuolo precisou esperar até 2002 para ter esperanças de um futuro para o clube.

Era Mapei/Giorgio Squinzi

Em 2002, o clube foi comprado pela empresa Mapei, coordenada pelo empresário Giorgio Squinzi, e o investimento no Sassuolo foi muito pesado. Além de reformar o estádio Città del Tricolore, a entidade foi responsável de contratar jogadores de peso para os Neroverdi, focados em fazer o clube crescer, e se tornar referência no futebol da região da Emília-Romana.

Apaixonado por futebol, Giorgio Squinzi conseguiu ajudar o Sassuolo a alcançar a Serie B do futebol italiano em 2007/2008, em apenas duas participações na Serie C1, não demorando tanto para chegar em um dos objetivos de campanha do novo presidente. Sendo que após cinco temporadas na Serie B, sob o comando de Eusebio Di Francesco, os Neroverdi conseguiram conquistar o título, subindo pela primeira vez em sua história para a elite do futebol italiano.

De lá para cá já foram duas temporadas na Serie A, em 2013/2014 alcançou um 17º lugar, evitando por pouco um novo rebaixamento, mas na última temporada, os Neroverdi surpreenderam e conseguiram atingir uma ótima 12ª posição, se tornando um clube muito forte na elite.

Jogadores que entraram na história

Nesta fantástica caminhada do Sassuolo, e sendo coroado com uma campanha memorável nesta atual temporada, os Neroverdi tem muito a agradecer alguns jogadores que passaram pelo clube, ou que ainda estão na equipe. Começando pelo meio-campista Francesco Magnanelli, que com 369 jogos e jogando desde 2005 com a camisa do Sassuolo, ele é o recordista de partidas, sendo providencial na história do clube.

Domenico Berardi é outro que está nos corações dos torcedores Neroverdi, pois além de ser o maior artilheiro da história do Sassuolo, com 49 gols, o atacante de 21 anos recusou ofertas de vários outros clubes grandes da Itália – e fora da Bota também – em prol da equipe que o revelou. Outro centroavante que brilhou com a camisa verde e preta, mas que hoje veste as cores bianconeri da Juventus, é Simone Zaza, que junto com Berardi fizeram um inferno nas defesas adversárias na última temporada.

No 6ª lugar nesta temporada, o Sassuolo possui outros destaques, o bom e seguro goleiro Andrea ConsigliAlessandro LonghiPaolo CannavaroFederico PelusoFrancesco AcerbiSime VrsaljkoAlfred DuncanKarim LaribiDavide BiondiniNicola SansoneMarcelo Trotta, entre outros.

Com esta fantástica campanha, a previsão para o futuro é que o Sassuolo cresca ainda mais e provoque muitas surpresas adiante, pois o clube é do futuro, e se continuar com a mesma ideologia, contratando bons atletas e mantendo os jogadores que ainda estão e honraram a camisa verde e preta, os Neroverdi tem muito a que conquistar na Serie A.

Uefa Europa League? Quase

Apesar da vitória sobre a Internazionale na despedida da temporada 2015/2016, o Sassuolo ficou só a três pontos do sonho de jogar pela primeira vez na sua história uma competição intercontinental. A derrota da Lazio para a Fiorentina acabou com as esperanças dos Neroverdi de conseguirem essa vaga histórica, mas vão ter que adiar possivelmente para a próxima temporada.

LEIA MAIS: Seleção VAVEL da Serie A 2015/16

O sexto lugar conquistado é a melhor posição que o Sassuolo alcançou na Serie A, ficando na frente de outros clubes consagrados como Milan, Lazio, Genoa, Sampdoria, Torino, Bologna, entre outros. Os torcedores Neroverdi vão esperar e torcer pelo seu clube realizar uma campanha muito melhor e quem sabe até brigar pelo título.

Confira a campanha desta temporada do Sassuolo: 38 jogos; 16 vitórias; 13 empates; 9 derrotas; 49 gols marcados; 40 gols tomados; 9 de saldo e 61 pontos conquistados.