Conte lamenta revés da Itália contra Irlanda e já projeta duelo com a Espanha

Treinador afirma que resultado mais justo seria o empate; comandante analisa combate ante espanhóis e garante: “Não vamos nos intimidar”

Conte lamenta revés da Itália contra Irlanda e já projeta duelo com a Espanha
Foto: Claudio Villa/Getty Images

Após a derrota para a Irlanda, por 1 a 0, nesta quarta-feira (22), em Lille, pela terceira e última rodada do Grupo E da Eurocopa, o treinador da Itália, Antonio Conte, lamentou o resultado da partida e começou a projetar o duelo das oitavas de final contra a Espanha.

A condição do gramado favoreceu o jogo da Irlanda, que esteve focado em bolas na área e lançamentos longos. Mas eles fizeram o jogo da vida”, disse o comandante, que fez questão de elogiar o desempenho da equipe que entrou em campo nesta quarta-feira – com a exceção dos zagueiros Andrea Barzagli e Leonardo Bonucci, o time que começou jogando é considerado reserva: “Mesmo com oito mudanças a Itália mostrou que é uma equipe, uma ideia de trabalho. Fazer todos jogarem [somente o goleiro Federico Marchetti ainda não jogou na Euro 2016] é importante porque todos trabalham duro”.

LEIA MAIS: Eurocopa define oitavas com campeões mundiais em 'lado da morte'

Achei os cartões de Barzagli e Insigne exagerados. A Itália teve vários amarelados e a Irlanda, mesmo sendo dura, ganhou só dois. Não acho que a derrota foi merecida. O empate seria mais justo porque criamos chances. Tive a oportunidade de fazer mudanças e descansar alguns jogadores, que aproveitaram a chance de recuperar sua energia”, afirmou.

Como se classificou em primeiro no Grupo E, a Itália irá pegar a Espanha nas oitavas de final. Os espanhóis foram derrotados pela Croácia na última terça-feira (21) e acabaram se classificando em segundo no Grupo D. Conte não gostou da ideia de encarar a Espanha já na primeira etapa do mata-mata.

Enfrentar a Espanha nas oitavas não foi muita sorte. Nós devemos fazer o nosso sacrifício em campo falar por nós. A falta de equilíbrio nas chaves da Euro é impressionante, mas esse é o regulamento e só nos cabe respeitá-lo. A Espanha no papel é um time inegavelmente muito forte, mas não vamos nos intimidar e dar tudo em campo”, enfatizou.

O jogo entre Itália e Espanha está marcado para a próxima segunda-feira (27), às 13h, no Stade de France, em Saint-Denis. O duelo será uma reedição da final da Eurocopa 2012, onde a Fúria saiu vencedora (4 a 0).