Presidente da Roma, Pallotta ironiza mandatário da Lazio: "Me faz rir"

Norte-americano disse sentir pena dos torcedores da Lazio por terem Claudio Lotito como presidente

Presidente da Roma, Pallotta ironiza mandatário da Lazio: "Me faz rir"
Pallotta, presidente da Roma Foto: Getty Images

A rivalidade entre Lazio e Roma é uma das maiores do mundo. Na belíssima Cidade Eterna, se você não torce para um, automaticamente é fã do outro. Tal atmosfera muitas vezes transpõe a barreira das quatro linhas, atingindo a sociedade como um todo – é difícil que um Derby della Capitale não tenha pelo menos uma morte, por exemplo. Nesta semana foi a vez de os dois presidentes se atacarem publicamente.

LEIA MAIS: Luciano Spalletti rende elogios ao meia Gerson: "É bonito de ver"

Antes mesmo de a temporada regular começar, James Pallotta (presidente da Roma) e Claudio Lotito (presidente da Lazio) já trocam farpas através dos jornalistas. Depois de Lotito atacar Pallotta, foi a vez do estadunidense replicar: "Eu amo esse garoto [Claudio Lotito], ele me faz rir. Mas eu sinto pena dos torcedores da Lazio, que têm de lidar com isso todos os dias. Eles merecem algo melhor", comentou James, em tom absolutamente irônico.

Lotito, em contrapartida, disse: "A Roma não tem um clube e não tem dinheiro, vocês vão ver". Depois do caso Bielsa, da possível saída da joia Keita Baldé e dos recentes fracassos azuis no mercado de transferências, a imagem do mandatário biancoceleste ficou queimada de vez na Itália. Vale lembrar que, desde 2013, a principal torcida organizada do clube tem montado várias formas de protesto contra Claudio. Desde então, o estádio Olímpico tem esvaziado.

Mais protestos contra Lotito

Na última quinta-feira (14), mais um capítulo do movimento pela saída do presidente da Lazio aconteceu. Cerca de 10 mil torcedores, incluindo ídolos da história laziale, se reuniram de forma pacífica para manifestar o conhecido descontentamento. Outro alvo claro foi Igli Tare, diretor esportivo e braço direito de Lotito. A tendência é que os romanos entrem na temporada neste clima totalmente caótico, jogando para um estádio cada vez mais vazio.