Ancelotti critica gestões de United e Arsenal: "Preocupam-se mais com o financeiro"

O treinador italiano criticou os proprietários dos times ingleses: "Acho que Arsenal e Manchester United estão mais focados no aspecto financeiro"

Ancelotti critica gestões de United e Arsenal: "Preocupam-se mais com o financeiro"
Foto: Harold Cunningham/Getty Images

Carlo Ancelotti, ex-técnico de Chelsea, Milan, Real Madrid e PSG e novo treinador do Bayern de Munique, fez duras críticas aos seus antigos rivais Manchester United e Arsenal. As críticas foram direcionadas aos donos dos clubes ingleses, principalmente pelas seguidas decepções dos gigantes da Terra da Rainha. Ancelotti crê que tanto a família Glazer, proprietária do maior campeão inglês, como Stan Kroenke, acionário majoritário do time londrino, preocupam-se mais com questões financeiras do que com as esportivas.

O United não conquista a Premier League desde a temporada 2012/13, quando Alex Ferguson ainda era o técnico da equipe. Na Champions League, o último título foi no ano de 2008 e a última final na temporada 2011/12. Já o Arsenal não conquista o Campeonato Inglês há mais de dez anos, tendo vencido pela última vez na temporada 2003/04, quando ainda contava com o craque Thierry Henry.

“É inacreditável o que aconteceu com Manchester United e Arsenal”, disse Ancelotti ao Talk Sport. “Os dois técnicos, Wenger e Ferguson, fizeram trabalhos fantásticos nos anos em que estiveram lá. Há dois aspectos no futebol: o resultado e o aspecto financeiro. Acho que Arsenal e Manchester United estão mais focados no aspecto financeiro. Um ano, você pode vencer e chegar à Champions League, mas (para os donos) o mais importante é o aspecto financeiro. Em outros clubes, como Milan e Real Madrid, o mais importante é o resultado”, analisou o italiano.

Carlo também acredita que por os proprietários serem norte-americanos e não ingleses, a paixão desses por seus respectivos times deixa a desejar: “Eu acho que a diferença é que os donos de Arsenal e Manchester United estão nos EUA. Eles não são tão apaixonados”, encerrou.

Na temporada 2015/16, o Arsenal terminou a Premier League na segunda colocação, enquanto o United concluiu a PL na quinta posição. Na Champions League, os Red Devils caíram ainda na fase de grupos e os Gunners foram eliminados nas oitavas de final.