Mourinho comemora vitória sobre Galatasaray: "Conseguimos consertar os erros"

O treinador português ainda mostrou-se feliz pelo fato de dar ritmo de jogo ao elenco; Ibra comenta sobre possível chegada de Pogba

Mourinho comemora vitória sobre Galatasaray: "Conseguimos consertar os erros"
Mou comemorou vitória e mostrou-se feliz com o desempenho na segunda etapa (Foto: Getty Images)

Na tarde desse sábado (30), o Manchester United derrotou a equipe do Galatasaray, em amistoso realizado na Suécia. A partida terminou com o placar de 5 a 2, com gols anotados por Ibrahimovic, Rooney (2), Fellaini e Mata. A partida marcou a estreia do novo camisa 9 dos Red Devils, Zlatan Ibrahimovic.

A vitória sobre os turcos foi a segunda do United na pré-temporada, o time inglês já havia derrotado o Wigan por 2 a 0. Após o final da partida, o técnico José Mourinho falou sobre o resultado positivo, avaliando os pontos mais importantes do jogo: “A coisa mais importante era jogar, para dar minutos aos jogadores. Para aqueles que jogaram menos, eles jogaram 30 minutos. Para aqueles que jogaram o mais, eles tinham 60, 65 minutos. Eles precisam jogar. Perdemos uma semana na China e alguns dos meninos que jogaram hoje treinaram por dois dias. Fizemos essa decisão para dar-lhes 30 ou 45 minutos do jogo, sentindo que seria melhor para eles do que até mesmo uma sessão de treino duplo. Assim, essa é a coisa mais importante”.

Mou também afirmou que só poderá implementar totalmente seu estilo de jogo ao decorrer das primeiras partidas da Premier League, além de lembrar da partida diante do Leicester City, marcada para o próximo domingo e válida pela Community Shield, a Super Copa Inglesa.

“Não há muito tempo para trabalhar, não muito tempo para mudar, para implementar um par de novas ideias, de novos princípios de jogo. Tudo neste momento é passo a passo e a realidade é que você não tem esse tempo. temos um jogo contra o Leicester próximo fim de semana e temos a Premier League em duas semanas. Precisamos de tempo, não temos tempo. A única solução é treinar duro e treinar contra a oposição como hoje é o mais coisa importante que podemos fazer”, disse o treinador.

O português mostrou-se satisfeito e feliz, principalmente pela segunda etapa, quando sua equipe corrigiu os erros cometidos na primeira, visto que o Galatasaray havia virado a partida para 2 a 1: “Então, eu estou feliz com a intensidade do jogo, eu estou realmente feliz com os erros que cometemos, porque nós trabalhamos sobre os erros. Estou muito feliz com as boas coisas que fizemos também. Eu estou feliz com o espírito, estou feliz com a atmosfera, mas nós temos que trabalhar”.

Muito se falou durante a semana sobre uma possível lista de dispensa do treinador português, com nomes como Bastian Schweinsteiger e o belga-brasileiro Andreas Pereira. E Mourinho falou sobre essa possível lista: “Bem, se eles não estavam nos meus planos eu não lhes daria um único minuto. Eu não iria mantê-los na minha equipe. O plantel é muito competitivo, a equipe é muito importante para a temporada. No outro dia eu estava dizendo a eles que temos 38 jogos na Premier League, temos a possibilidade de 15 jogos disputados na Liga Europa, mais as copas. Vamos jogar 60 partidas e você não pode fazer isso com 11 jogadores”.

Zlatan Ibrahimovic, maior nome que chega ao United nessa janela, estreou com a camisa red devil nesse sábado. O novo camisa 9 dos Diabos Vermelhos marcou um golaço logo aos três minutos de jogo, em um lindo voleio e deu seu cartão de visitas a torcida. Na saída do jogo, o atacante sueco falou sobre a possível chegada do francês Paul Pogba: “Há algo grande no futuro, será muito interessante este ano. Deixe-nos dizer que se Pogba vier, será muito interessante”.

Ibra marcou um golaço logo no início da partida (Foto: Getty Images)
Ibra marcou um golaço logo no início da partida (Foto: Getty Images)