Atlético-GO e Joinville ficam no empate na reinauguração do Estádio Olímpico de Goiânia

O Dragão que vivia dia de comemorações, cedeu empate nos minutos finais para o vice-lanterna Joinville

Atlético-GO e Joinville ficam no empate na reinauguração do Estádio Olímpico de Goiânia
(Foto: Divulgação / Esporte Clube Joinville)
ATLÉTICO-GO
1 1
JOINVILLE
ATLÉTICO-GO: KLÉVER; MATHEUS RIBEIRO, MARLLON, LINO E ROMÁRIO; PEDRO BAMBU, MICHEL, MAGNO CRUZ, JOGRINHO E GILSINHO; JÚNIOR VIÇOSA.
JOINVILLE: JHONATAN; REGINALDO, RAFAEL DONATO, LIGER, NALDO(C); DIEGO, EVERTON SILVA, PAULINHO DIAS E TINGA; HELIARDO E CLAUDINHO.
Placar: 1-0, JORGINHO; 1-1, FERNANDO VIANA
ÁRBITRO: EMERSON LUIZ SOBRAL (PE), AUXILIADO POR EDUARDO FRANCISCO CHAVES BEZERRA JÚNIOR (PE) E CHARLES ROSAS PIRES - PE
INCIDENCIAS: Jogo válido pela 28ª rodada de Série B do Brasileirão. Marcado pela reinauguração do Estádio Olímpico/GO

O Atlético-GO empatou com o Joinville na noite desta terça-feira (27) pelo placar de 1 a 1. A partida que foi válida pela 28ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro ficou marcada pela reinauguração do Estádio Olímpico, em Goiânia. O meia Jorginho marcou o gol para os donos da casa no primeiro tempo, Fernando Viana empatou no último lance da partida.

Com o empate o Dragão permanece na 2ª colocação com 49 pontos, apenas dois atrás do líder Vasco que ainda joga na rodada. Já o JEC segue na vice-lanterna da competição com 25 pontos conquistados.

Equipes foram bem equilibradas na primeira etapa

Desesperado na parte de baixo da tabela, o Joinville começou o jogo logo atacando e antes mesmo de um minuto de partida já tentava chegar na frente, mas sem sucesso. A resposta dos donos da casa vinha com o atacante Júnior Viçosa que também não conseguia se livrar da marcação. Com o jogo preso no meio de campo as únicas oportunidades dos times eram as bolas lançadas na área e nos contra ataques em erros de passes.

A primeira oportunidade clara de jogo foi do Joinville aos 12 minutos do primeiro tempo. Após jogada de Diego pela esquerda o lateral manda a bola para a área, Heliardo ajeitou para o chute de perna esquerda Tinga a bola ainda desviou em Marllon entes da boa defesa do goleiro Klever, que mandou a bola para escanteio.

O gol da partida saiu aos 18 minutos, após uma boa troca de passes que veio desde o campo defensivo do Dragão. Magno Cruz recebeu a bola sozinho na esquerda e cruzou rasteiro para Jorginho, que na entrada da área fez um drible de corpo tirando o adversário do lance e chutou colocado no ângulo do goleiro Jhonatan, que não teve o que fazer.

Após o gol novamente o jogo ficou preso no meio de campo e os chutões do campo defensivo voltaram a ser a principal jogada das equipes. O Joinville teve outra chance de gol aos 24 minutos, quando Everton Silva cruzou a bola na área e Naldo, volante do JEC, cabeceou a bola que passou muito perto da trave do goleiro Klever.

A bola levantada na área quase teve sucesso para o Dragão aos 34 minutos. Gilsinho cruzou na área e Jhonatan saiu mal do gol, Jorginho conseguiu se antecipar e tocou de cabeça por cima do travessão.

No segundo tempo o Dragão perdeu muitas chances e acabou cedendo o empate para o JEC

O Joinville teve a primeira chance do segundo tempo com o atacante Heliardo logo à cinco minutos. Após receber um passa o jogador do JEC conseguiu chutar de dentro da área, mas acabou mandando a bola por cima, sem muito perigo para o Atlético. Três minutos mais tarde, após cobrança de escanteio da equipe visitante, a bola ficou viva dentro da área e após bate e rebate a zaga do Dragão conseguiu afastar o perigo.

O Atlético-GO chegou com perigo apenas aos 14 minutos, após cruzamento na área, Jorginho cabeceou a bola por cima do gol, o lance levou perigo. Aos 20 minutos após boa tabela a bola sobrou limpa para Júnior Viçosa chutar para o gol, mas o chute saiu fraco e o goleiro do JEC fez a defesa.

Os donos da casa perderam diversas oportunidades ao erraram passes, ainda reclamaram de um pênalti aos 35 minutos da etapa final de jogo, mas o arbitro da partida marcou apenas um escanteio. O Joinville tentava sair em contra ataque, porem a defesa bem postada do Atlético não permitia isso.

O gol de empate do Joinville saiu já no apagar das luzes. Após uma bobeira de Marquinho, que tentou voltar o jogo, o atacante Fernando Viana interceptou o passe e ganhou do zagueiro na corrida e só teve o trabalho de tirar do goleiro para empatar a partida.

As duas equipes voltam a campo na próxima terça-feira (4). Fora de casa o Dragão enfrente o CRB, também longe de seus domínios o JEC pega o Ceará.