Após empate no primeiro jogo, Audax/Corinthians e São José decidem Copa do Brasil Feminina

Equipes voltam a se enfrentar após empate em 2 a 2 no primeiro jogo da decisão

Após empate no primeiro jogo, Audax/Corinthians e São José decidem Copa do Brasil Feminina
(Foto: Arthur Marega Filho/São José)

A Copa do Brasil de Futebol Feminino se encerrará nesta quarta-feira (27), com o segundo jogo da grande final entre Audax/Corinthians e São José. A partida será realizada no Estádio José Liberatti, em Osasco, às 19h30 (horário de Brasília), e terá transmissão ao vivo pelo site da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), com participação de Vadão, treinador da seleção brasileira feminina de futebol.

A primeira partida da decisão entre as duas equipes foi realizada no último dia 19, terminando empatada no placar de 2 a 2. Em São José, Raquelzinha e Rosana marcaram para o time da casa, enquanto que Paulinha e Pardal fizeram os gols do Audax/Corinthians. A competição conta com regulamento ligeiramente diferente de sua versão masculina, uma vez que não existe o critério do “gol fora de casa” como meio de desempate. Por conta disso, as duas equipes precisam da vitória para sair de campo com o título.

As duas equipes chegam à final com oportunidades diferentes em relação ao título. Decidindo em casa, o Audax/Corinthians busca um título inédito em sua galeria. Por outro lado, o São José tem mais tradição na Copa do Brasil de Futebol Feminino e vai em busca da terceira conquista de sua história.

Treinador do Audax/Corinthians, Arthur Elias demonstra confiança no elenco para conquistar título inédito

Resultado de uma parceria entre Corinthians e o Grêmio Osasco Audax, o Audax/Corinthians é um time bastante recente, sem muita história no futebol feminino nacional. No entanto, conta com um trunfo importante, tendo o mesmo treinador desde o início do projeto. Trata-se de Arthur Elias, técnico de 35 anos. Em entrevista falando sobre a decisão da Copa do Brasil, o comandante do Audax/Corinthians se mostrou confiante:

“Sinto que estamos preparados para conquistar essa competição. Se acontecer, será um prêmio merecido para este grupo que trabalha muito e também para o clube que acreditou, investiu, nos deu boas condições e almeja conquistar a vaga para o Campeonato Brasileiro e Libertadores”, afirmou o treinador, que sonha com uma vaga em competições internacionais logo no primeiro ano de trabalho com a parceria.

Arthur também busca seu segundo título nacional no futebol feminino, depois de ter sido campeão brasileiro com o Centro Olímpico em 2013. O time que o Audax/Corinthians deve levar a campo conta com: Tainá; Paulinha, Pardal, Koki, Juci; Daiane, Thaisa, Gabi Nunes; Nenê, Chu Santos.

Emily Lima, técnica do São José, prevê partida complicada e ressalta evolução de sua equipe

Com dois títulos de Copa do Brasil já conquistados, o São José chega a mais uma final com uma treinadora no comando, cena ainda rara de se ver, mesmo dentro do futebol feminino. Emily Lima é a comandante do elenco joseense e, em entrevista antes da grande decisão, previu partida complicada: “Será uma partida bem disputada, assim como foi o primeiro encontro”, afirmou a técnica.

Com passagem pela comissão técnica de categorias de base da Seleção, Emily tem experiência como jogadora, conquistada ao longo de mais de uma década dentro dos gramados, e também como técnica. A comandante do São José demonstrou confiança em suas jogadoras: 
“Nossa equipe cresceu muito na competição, todo mundo se dedicando para ganhar esse título. Trabalhamos muito para chegar até aqui, agora é focar no jogo. Essas meninas, mais do que ninguém, merecem esse caneco”, ressaltou Emily.

A previsão de equilíbrio na final foi endossada pela atacante Luize, que também falou sobre a possibilidade de marcar e ajudar na conquista do tri: “Final é final, o equilíbrio faz parte desse jogo, a equipe que errar menos vai ser campeã. O mais importante é a nossa vitória e o tricampeonato, se eu puder fazer um gol vou ficar muito feliz, ainda mais pelo carinho que tenho pela camisa do São José”, disse a jogadora.

A equipe do São José deve ter como time titular o seguinte: Vivi; Raquelzinha, Bagé, Gislaine, Yasmin; Pecanha, Stephane, Rosana; Suellen, Michelle, Luize.