Michael celebra gol pelo América e a volta por cima na carreira

Atacante marcou o primeiro gol pelo América-MG após 12 partidas; jogador não marcava há mais de dois anos

Michael celebra gol pelo América e a volta por cima na carreira
Foto: Mourão Panda/América-MG

Desde o título mineiro conquistado pelo América nesta temporada, um gol nunca foi tão comemorado quanto o tento marcado pelo atacante Michael. O jogador entrou na reta final da partida, e na primeira bola que recebeu, marcou o gol da vitória do Coelho contra o Internacional nos minutos finais do jogo, dando o quarto triunfo ao Coelho no Brasileirão. 

Além da vitória do América, da renovação da esperança americana em salvar o time do rebaixamento para a Série B, o gol de Michael representou a volta por cima do atacante. O jogador chegou ao Coelho em julho e não balançava as redes há mais de dois anos. O último foi na vitória do Fluminense sobre o Flamengo por 3 a 0, pelo Campeonato Carioca de 2014. 

"As costas estavam um pouco pesadas. Eu achei que a bola não ia entrar nesse ano, estava já há um tempo sem entrar. Fui feliz e todos os meus companheiros foram muito felizes. Jogamos muito bem e merecemos a vitória. Qualquer outro resultado aqui seria injusto se não fosse nossa vitória", contou.

Michael passou por momentos complicados na carreira. O atacante foi flagrado no exame antidoping por uso de cocaína, sendo punido por 16 meses pelo STJD. Posteriormente, teve sua punição reduzida. Após este período, ainda jogou no Fluminense, Criciúma e no Estoril-POR, mas não marcou gols. Sobre as dificuldades, Michael garante que trabalha para dar a volta por cima.

"Hoje poderia ter sido gol de quem fosse, mas fico muito feliz por ter sido meu. Somente eu e as pessoas que me rodeiam sabem do meu passado e da minha felicidade de estar no América. Todos sabem dos problemas que tive no passado, mas estou fazendo de tudo para que isso se apague. Sempre vai ter aquela pessoa que vai te lembrar, que vai te difamar para sua família. Mas, aqui, o América me abraçou e a cada dia que passa aproveito a oportunidade como se fosse a última", finalizou.