Marcelo Oliveira rechaça 'abandono' à Copa do Brasil, mas admite foco maior no Brasileirão

Após empate com Cruzeiro, treinador põe Campeonato Brasileiro como prioridade para o Galo

Marcelo Oliveira rechaça 'abandono' à Copa do Brasil, mas admite foco maior no Brasileirão
Foto: Burno Cantini/Atlético-MG

Marcelo Oliveira, técnico do Atlético-MG, analisou em entrevista coletiva o empate com o Cruzeiro, por 1 a 1, na tarde deste domingo (18), no Mineirão, pelo Campeonato Brasileiro. Após o jogo, o treinador avaliou o desempenho de seus comandados, a começar pela jogada que originou o gol de Clayton no primeiro tempo.

Eu acho que jogAou um time leve do Cruzeiro contra o Atlético tentando organizar melhor nesse jogo. Acho que articulamos melhor a partida. O gol, por exemplo, foi uma jogada belíssima de toque, de ultrapassagem. Mas infelizmente levamos o gol. Talvez, se não levássemos o gol, estaríamos considerando uma partida muito boa do Atlético”, observou.

O técnico também ressaltou que os jogadores se entregaram em campo para tentar conquistar a vitória. “Não faltou vontade, não. O que faltou foi encontrar o contra-atraque. O Urso chegou numa condição muita boa de fazer o gol. O Cruzeiro saiu com tudo, com jogadores leves e deu a oportunidade. O dia que um jogador do Atlético, jogando um clássico, disputando as primeiras colocações do Brasileiro, não tiver vontade, a gente tem que trocá-lo e tirá-lo daqui. Em nenhum momento eu senti isso”, assegurou.

Por fim, Marcelo Oliveira rechaçou a possibilidade de abrir mão da Copa do Brasil. O time alvinegro enfrenta a Ponte Preta, nesta quarta-feira (21), em Campinas, pelo jogo de volta das oitavas de final, e precisa vencer para avançar à próxima fase. O comandante, porém, salientou que o Brasileirão é o principal objetivo do Galo em 2016.

Eu penso que não dá para abandonar a Copa do Brasil. Nós vamos lá para tentar ganhar e seguir em frente. Mas existe um foco maior no Brasileiro, sim. Eu estarei observando os jogadores mais cansados, mais desgastados, pela sequência grande de jogos e pelo desgaste que foi o clássico. Alguns jogadores saíram bem desgastados. Esse é o sentimento: vamos tentar ganhar o jogo lá. Se tiver de fazer modificações, nós vamos fazer. Mas o foco maior do Atlético é, sem dúvida, o Campeonato Brasileiro”, concluiu.