Guto Ferreira aponta dificuldade em novo empate, mas valoriza empenho: "Na superação"

Em jogo disputado na Arena Condá, Chapecoense e Grêmio empatam em 3 a 3

Guto Ferreira aponta dificuldade em novo empate, mas valoriza empenho: "Na superação"
(Reprodução/ Lucas Uebel)

Com três gols para cada lado, Chapecoense e Grêmio ficaram no empate na noite desta quinta-feira (15). Com os dois gols marcados por Willian Thiego e um do artilheiro Bruno Rangel, o Verdão manteve o bom retrospecto contra os Gaúchos. O time não perde para dupla Gre-Nal desde 2014. Com 11 pontos, a Chapecoense se mantém entre os dez primeiros na tabela de classificação. O Grêmio soma 15 pontos e segue em busca da liderança.

O Grêmio foi quem abriu o placar, logo aos 2 minutos de partida, após um cruzamento de Douglas, Geromel concluiu de cabeça. Também de cabeça, Willian Thiego empatou para Chape. Ainda no primeiro tempo, Jaílson derrubou o atacante Silvinho dentro da área, pênalti para Chapecoense. Bruno Rangel converteu. Agora com setes gols, o atacante é o artilheiro isolado da competição. Jaílson ainda empatou o confronto no primeiro tempo.

Na segunda etapa, Thiego e Guiliano marcaram os gols finais do confronto. A partida foi de reencontro  para os jogadores, Willian Thiego, da Chapecoense e Jaílson, do Grêmio. Ambos enfrentaram seus ex-clubes e marcaram gols.

Thiego, antes de adentrar ao recinto do Verdão, era da base gremista. O zagueiro, que marcou duas vezes de cabeça, falou como foi marcar contra o ex-clube. “Fazer gol contra o Grêmio não foi especial. Foi apenas outro gol".

Do lado gremista, a aposta do técnico Roger Machado para a partida, Jaílson, foi destaque na base da Chapecoense antes de poder vestir a camisa tricolor.

Guto Ferreira valoriza atuação da equipe

Em entrevista colertiva, o treinador destacou a supeção e o bom desempenho do time. "Foi um time com força de vontade, na superação. A gente está tendo dificuladade. Nesse jogo tivemos meio tempo com jogadores fora de posição."

O sistema defensivo é outro problema a ser solucionado no Verdão.Em 8 jogos, foram 12 gols sofridos. Para resolver o problema, Guto irá realizar um trabalho específico de posicionamento com os atletas, na sexta-feira. Para a próxima partida, o lema é " não vacilar".

Os dois times voltam a campo no próximo domingo. A Chapecoense vai a Salvador enfrentar o Vitória. O Grêmio, em casa, recebe o Cruzeiro.