Presidente do Brasil, Temer decreta luto de três dias em função de tragédia com a Chapecoense

Comandante da República determina ajuda imediata às famílias dos brasileiros envolvidos no acidente em Medellín, na Colômbia

Presidente do Brasil, Temer decreta luto de três dias em função de tragédia com a Chapecoense
Foto: Chris Graythen/Getty Images

O presidente do Brasil, Michel Temer, decretou, nesta terça-feira (29), luto oficial de três dias em função da queda do avião que transportava a delegação da Chapecoense à cidade de Medellín, na Colômbia, local onde seria realizado o primeiro jogo da final da Copa Sul-Americana 2016. Em nota no site do Palácio do Planalto, Temer determinou que a Aeronáutica disponibilize aeronaves para as famílias e para o transporte das vítimas.

VAVEL Brasil presta condolências às vítimas do acidente em Medellín

Nesta hora triste que a tragédia se abate sobre dezenas de famílias brasileiras, expresso minha solidariedade. Estamos colocando todos os meios para auxiliar familiares e dar toda a assistência possível. A aeronáutica e o Itamaraty já foram acionados. O governo fará todo o possível para aliviar a dor dos amigos e familiares do esporte e do jornalismo nacional”, dizia o comunicado.

Após o anúncio da tragédia, que matou 75 dos 81 tripulantes (números ainda não oficiais), a Conmebol optou por cancelar a final da Copa Sul-Americana, onde a Chapecoense lutaria pelo título inédito com o Atlético Nacional.