Lucas e Robinho são apresentados no Cruzeiro e querem justificar boa troca com Palmeiras

Jogadores exaltam chegada ao time celeste e negam problemas com comissão técnica da equipe alviverde

Lucas e Robinho são apresentados no Cruzeiro e querem justificar boa troca com Palmeiras
Lucas ficará no Cruzeiro até o fim da atual temporada, enquanto Robinho assinou até dezembro de 2017 (Foto: Matheus Adler/VAVEL Brasil)

O lateral-direito Lucas e o meio-campo Robinho, oriundos do Palmeiras, chegaram à Toca da Raposa II na última sexta-feira (29), treinaram com bola no sábado (30) e foram apresentados oficialmente nesta segunda-feira (2). Os jogadores irão atuar no clube celeste, através de uma negociação que envolveu a ida dos laterais Fabrício e Fabiano para a equipe alviverde.

Aos 28 anos, Lucas irá atuar em seu quinto clube na carreira. O jogador, que ficou quatro anos no Figueirense, atuando no mesmo período no Botafogo e um ano e meio no Palmeiras, onde conquistou a liderança do elenco, chega ao Cruzeiro para enfrentar mais um desafio como atleta.

"Gosto sempre de desafios. Todos os clubes pelos quais passei cumpri contratos longos. Fiquei quatro anos no Figueirense, quatro no Botafogo. No Palmeiras, por essa situação, fiquei um ano e pouco. Mas gosto de ficar por muito tempo nos clubes. Consegui bons desempenhos no Figueirense, no Botafogo, no Palmeiras e é dessa maneira que venho para o Cruzeiro", disse o lateral-direito.

Já Robinho, era sonho antigo da Raposa. No início do ano passado, Marcelo Oliveira, ainda técnico do Cruzeiro, tentou usar sua passagem pelo Coritiba para facilitar a ida do meio-campo para Belo Horizonte, junto aos dirigentes do Coxa. No entanto, o Palmeiras foi mais rápido e efetuou a contratação do atleta de 28 anos. Quando, enfim, surgiu a terceira oferta do clube celeste em seu futebol, o jogador não pensou duas vezes e aceitou.

"Quando partiu interesse do Cruzeiro, fiquei muito feliz. Aceitei na hora. Tinha acabado de ser campeão no Palmeiras. Primeira coisa que fiz foi ver o elenco. Vi que tinha uma garotada com potencial grande. O que puder fazer para ajudá-los, eu vou fazer. Estou tranquilo, venho tranquilo, sem colocar grande pressão, para fazer um bom trabalho", declarou Robinho.

A negociação, no entanto, gerou estranheza por parte dos torcedores do Palmeiras. Houve boatos de que a dupla havia se desentendido com o técnico Cuca, após a eliminação da equipe alviverde no Campeonato Paulista. No entanto, os jogadores garantem: não houve atritos.

"Não tive nenhum tipo de problema com ninguém. Acho que o técnico viu a oportunidade de negócio pelo Fabrício e Fabiano. Mas não tive problema com ninguém", afirmou Lucas, que teve o discurso reforçado por Robinho, em seguida.

"Dentro do vestiário não teve problema nenhum. Falaram que eu e o Cuca tivemos problema, mas a gente nunca discutiu. Venho com muita alegria", concluiu.