Tuca Guimarães analisa empate em casa do Figueirense diante do lanterna América-MG

Resultado não foi bom para o Figueira, que busca se afastar da zona de rebaixamento

Tuca Guimarães analisa empate em casa do Figueirense diante do lanterna América-MG
(Foto: Luiz Henrique/Figueirense FC)

Pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro o Figueirense, jogando em casa, empatou com o lanterna América-MG na noite desta quarta-feira (14) pelo placar de 2 a 2. O atacante Lins e o meia Dodô marcaram para o Figueira, o lateral Jonas e o atacante Osman descontaram para o Coelho. O empate tira o Figueirense, de forma parcial, da zona de rebaixamento da competição.

O Figueirense até saiu na frente com dois gols de vantagem para cima da equipe mineira. No segundo tempo o rendimento do Figueira caiu e o América buscou um empate. O resultado acabou sendo muito ruim para o time de Santa Catarina que luta para escapar do rebaixamento. O treinador da equipe, Tuca Guimarães entende as vaias que sofreu no final do jogo, porém defendeu suas escolhas nesta noite:

“Nenhuma partida vai ser tranquila. Essa caminhada, faltando esse número de jogos (13) e buscando sair da zona (de rebaixamento), claro que é dolorido (o empate). É complicado, somamos apenas um pontos e não era ideal. Agora vamos buscar fazer grande jogo domingo, sabendo que será duríssima a partida”

“Entendo a torcida, ela não é obrigada a saber o problema que temos internamente. Lins era para sair no intervalo. O doutor me comunicou sobre o um problema no (músculo) posterior (da coxa) logo no intervalo e a gente arrastou todo aquele tempo até tirá-lo. O Caucaia também foi por lesão muscular. Na verdade das três mudanças, só fiz uma por opção, e duas por problemas médicos. Então fica complicado”, disse o treinador.

Tuca também falou sobre reforços, mas sabe que é complicado: "A gente conversa bastante, mas não é fácil. Para nós, a gente precisa de jogadores em atividade e pronto para jogar. Os jogadores em evidência principalmente na Série B não são liberados, ou estão brigando por acesso ou por permanência e é complicado. Não faltam esforços, a diretoria já tentou, mas não é fácil. Não adianta trazer por trazer, precisamos de jogares que cheguem em condições de nos ajudar", analisou Tuca Guimarães.

O próximo compromisso do Figueirense será fora de casa, às 11h do domingo (18), diante do Flamengo. Por pedido do Flamengo o jogo será disputado no estádio do Pacaembu, em São Paulo. Além de Flamengo e Figueirense, o Pacaembú irá receber o jogo entre Santos e Santa Cruz no mesmo dia. O jogo do Peixe está marcado para às 18h30.