Pontaria descalibrada: Fluminense completa um terço do Brasileirão como o pior finalizador

Tricolor completa primeiro terço do Brasileirão como pior finalizador e dono do terceiro pior ataque

Pontaria descalibrada: Fluminense completa um terço do Brasileirão como o pior finalizador
Wellington Silva se desespera após chance perdida (Foto: Celso Pupo/Fotorena/Estadão Conteúdo)

O Fluminense completou um terço dos jogos do Campeonato Brasileiro com a escassez daquilo que é a meta de todos os times: gols. As finalizações se tornaram o calcanhar de Aquilez tricolor e o time é o pior finalizador da competição. São 133 chutes errados e apenas 13 gols marcados - só não fez menos do que América-MG (9) e Figueirense (13) -.

O técnico Levir Culpi reconhece o problema, mas justifica a permanência do mesmo em não ter tempo de aperfeiçoar finalizações com treinos mais intensivos.

"É notório que a gente não tem precisão muito grande. Mas o tempo para treinar é pouco. Pelo menos o time esta criando oportunidades. Ninguém domina o Fluminense. Estamos jogando de igual para igual nas partidas", declarou o treinador.

"Realmente há carência. Isso se faz com vídeos, correções, ver qual o melhor ângulo para bater na bola... Mas isso é com o tempo", completou.

Atacante Henrique é aprovado em exames físicos e já treina com o elenco 

Que o ataque vem tirando a paciência da torcida tricolor não há dúvidas, no entanto, a chegada de Henrique Dourado, ex Palmeiras e Cruzeiro, dá esperanças ao torcedor. O atacante, ainda não confirmado oficialmente, realizou treinamento físico nas Laranjeiras na tarde desta segunda-feira (04). Mediante às expectativas, Levir Culpi pede calma com o jogador.

"Que ele pode chegar e jogar eu não tenho dúvida. Mas é aquela história: estava no futebol português e não joga há dois meses. Ele vai ter que se adaptar um pouquinho. Vamos ver como está na parte fisica. Mas qualidade técnica ele tem", disse.

 A passagem de Henrique pelo Vitória de Guimarães, seu ex-clube, anima os tricolores. Na última temporada, ele marcou 13 gols em 32 jogos. O atacante deve ser anunciado ainda esta semana.

                                                 
                                                                                 Henrique realiza trabalho físico nas Laranjeiras (foto: Fred Huber)

O resultado em 0 a 0 contra o Coritiba irritou a torcida, que aos gritos de "time sem vergonha" assistiram a partida em Volta Redonda. Se a fase no Campeonato Brasileiro é contestada, na próxima quarta-feira (06), o Flu dá uma pausa na competição e entra em campo diante do Ypiranga-RS pela terceira fase da Copa do Brasil.