Peter Siemsen protesta contra arbitragem: "Sempre jogamos contra 12 diante do Corinthians"

Presidente do clube foi um dos mais exaltados e fez declarações fortes na saída da Arena

Peter Siemsen protesta contra arbitragem: "Sempre jogamos contra 12 diante do Corinthians"
Peter protesta contra arbitragem: "'Sempre jogamos contra 12 diante do Corinthians"

Nervos a flor da pele na partida de volta da Copa do Brasil. Na noite desta quarta-feira (22), o Corinthians derrotou o Fluminense por 1 a 0 e avançou para a próxima fase da competição. No entanto, a polêmica fica por conta de arbitragem que deixou de marcar dois pênaltis favoráveis aos cariocas, além da expulsão de Marquinho no segundo tempo. Peter Siemsen, presidente do clube, foi um dos mais exaltados e fez declarações fortes na saída da Arena.

''Esperamos uma arbitragem séria no domingo. Hoje foi uma vergonha. Sempre jogamos contra 12 diante de Corinthians e Palmeiras. Está na hora disso acabar. Acorda, CBF! Sérgio Corrêa deveria repensar sua maneira de trabalhar'', declarou.

Na partida de ida, as equipes empataram por 1 a 1. Com a vitória por 1 a 0, gol marcado por Rodriguinho, o Corinthians avançou às quartas de final da Copa do Brasil e agora aguarda o sorteio, que acontece na próxima sexta-feira (24), para conhecer seu adversário. Já o Fluminense volta seu foco para o Campeonato Brasileiro, onde ocupa a sétima colocação.