Na estreia de Renato, Grêmio recebe Atlético-PR por vaga nas quartas da Copa do Brasil

Tricolor venceu o primeiro jogo na Arena da Baixada e agora precisa apenas de empate para avançar na competição

Na estreia de Renato, Grêmio recebe Atlético-PR por vaga nas quartas da Copa do Brasil
Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA
Grêmio
Atlético Paranaense
Grêmio: Marcelo Grohe; Edilson, Geromel, Kannemann e Marcelo Oliveira; Maicon, Jaílson, Walace e Douglas; Luan e Pedro Rocha. Técnico: Renato Portaluppi.
Atlético Paranaense: Weverton; Léo, Paulo André, Thiago Heleno e Nicolas; Otávio e Hernani; Galhardo, Pablo e Marcos Guilherme (João Pedro); André Lima. Técnico: Paulo Autuori.
ÁRBITRO: Vinicius Furlan, auxiliado por Danilo Manis e Gustavo Rodrigues de Oliveira.
INCIDENCIAS: Partida válida pelo jogo de volta das oitavas de finais da Copa do Brasil 2016

Buscando avançar às quartas de finais da Copa do BrasilGrêmio Atlético Paranaense irão duelar na Arena do Grêmio nesta quarta-feira (21), às 19h30. No jogo de ida, os portoalegrenses triunfaram com placar mínimo em plena Arena da Baixada, tendo o gol sido marcado pelo equatoriano Miller Bolaños.

Agora, os paranaenses terão de batalhar para reverter um quadro desfavorável, mas não impossível. Vale lembrar que, em 2013, o Furacão conseguiu eliminar o então favorito Grêmio nas semifinais em Porto Alegre, arrancando, na raça, um empate sem gols que qualificou o time pelo após uma vitória pelo placar mínimo no Paraná.

Tricolor contará com estreia de Renato Portaluppi

Após vários resultados negativos que culminaram com a saída de Roger Machado, os tricolores poderão finalmente "recomeçar do zero" com a chegada do novo treinador, Renato Portaluppi. Já se preparando para o confronto da Copa do Brasil, o técnico optou pelo treino com portões fechados, liberando apenas na última parte.

Desde o jogo de ida, o Grêmio não conseguiu mais vencer. Foram seis partidas: quatro derrotas e dois empates, sendo o último a derrota para o Fluminense em plena Arena do Grêmio, sob o comando de James Freitas. Para levantar o ânimo e moral da equipe, Renato convocou a torcida, pedindo para que todos compareçam ao estádio nesta quarta-feira.

"Digamos que as coisas estejam realmente ruins. Mas não estão péssimas como estão colocando. Temos que falar o menos possível, trabalhar bastante, e desde já peço ao torcedor que tem que abraçar o grupo e o clube, vir ao estádio para incentivar e apoiar." ditou o técnico

No campo, o time terá a saída de Ramiro, muito criticado devido à última atuação contra o Fluminense. Seu substituto deverá ser Jaílson, que já vinha atuando com frequencia. Ainda sem Bolaños e Éverton, o tricolor seguirá com Pedro Rocha no ataque.

Ainda sem Lucho González, Atlético tenta virada em Porto Alegre

Vindo de vitória pelo placar mínimo contra o São Paulo em casa, o Atlético-PR vive dias de tranquilidade. Apesar da tumultuosa derrota para o Santa Cruz em Recife, o time está atualmente na sétima colocação na Série A do Campeonato Brasileiro, o que dá ao clube chances de brigar por vaga na Libertadores.

Porém, a Copa do Brasil não lhes dá motivo para comemorar. Após perder em casa, o time agora tem de marcar gols se quiser avançar na competição. Especialista no assunto, o artilheiro Pablo falou sobre o perigoso jogo de volta, na Arena do Grêmio.

"Temos que abrir o placar para empatar o duelo em termos de saldo de gols e, aí sim, pensar no segundo gol, que pode ser o da classificação. Nosso desejo nesse momento é passar de fase, e vamos buscar esse objetivo." explicou o atacante.

Com o time definido, Paulo Autuori não poderá contar com Deivid e Nikão, que retornam de lesão. Também muito aguardado pela torcida, o argentino Lucho González ainda não fará sua estreia no clube, visto que o prazo para as inscrições do torneio fechou-se há um mês atrás.