Atacante uruguaio Nico López é apresentado no Internacional: "Uma grande oportunidade"

Jogador que estava no Nacional do Uruguai assina contrato de quatro anos com o Colorado e se diz motivado na chegada ao clube

Atacante uruguaio Nico López é apresentado no Internacional: "Uma grande oportunidade"
(Foto: Divulgação / Internacional)

O atacante uruguaio Nico López, confirmado na terça-feira (19) como reforço do Internacional por quatro anos, foi apresentado nesta quarta, no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre. O ex-jogador do Nacional, um dos destaques da campanha na Libertadores 2016 falou sobre a chegada ao Inter e sua expectativa no novo clube.

"Estou muito motivado em vestir essa camisa. É uma grande oportunidade, em uma grande equipe do futebol brasileiro e mundial", comentou Nico na apresentação à imprensa.

No diferente calendário do Uruguai, que encerrou a temporada e se preparara a um novo ciclo, Nico comentou que estava realizando os trabalhos físicos com os ex-companheiros. "Estou bem para jogar. Já estava fazendo a pré-temporada no Uruguai e espero jogar o mais breve possível. Farei o melhor de mim para ajudar a todos e espero ser muito feliz aqui. Quero jogar muitas partidas no Inter e ganhar tudo", reforçou o atleta no discurso.

Nico López recebeu a camisa de número 7, circulou na estrutura do Internacional, ao conhecer vestiários e também ter contato com o torcedor do lado de fora do Beira-Rio. Ele posou para fotos ao lado do Saci, o mascote do clube rubro.

O diretor Carlos Pellegrini se mostrou tão motivado quanto o jogador. Agradeceu o esforço do clube para trazê-lo. "A chegada do Nico López é um momento importantíssimo no clube. Gostaria de agradecer todo o jurídico pelo trabalho".

Sobre suas características em campo, o uruguaio definiu-se de forma curta e grossa, da seguinte maneira: "Sou um atacante. Sou técnico e rápido. Essas são minhas características", afirmou. Na Libertadores pelo Nacional, marcou gols em Corinthians e Palmeiras, justamente os líderes de hoje no Campeonato Brasileiro. Ao todo, foram quatro tentos na competição sul-americana.

Pelo tricolor uruguaio, marcou 11 gols e deu 3 assistências em apenas 21 jogos, demonstrando boa temporada pelo Nacional. O jogador de 22 anos ainda teve boas atuações nas oportunidades recebidas pela seleção sub-20 do Uruguai.

O Colorado encara a Ponte Preta fora de casa no domingo e depois a equipe do técnico Paulo Roberto Falcão terá enfrentamento com o Timão, no Beira-Rio.