Júlio César sofre concussão na cabeça e vira dúvida para jogo contra Ceará

Goleiro alvirrubro caiu desacordado durante recreativo e tem presença incerta diante do Vozão

Júlio César sofre concussão na cabeça e vira dúvida para jogo contra Ceará
Caso não reúna condições, arqueiro do Timbu será substituído pelo reserva Rodolpho (Foto: Léo Lemos/Náutico)

A base titular havia sido mantida nos treinamentos, mas de última hora pode ser modificada. Isso tudo porque o goleiro Júlio César, que estava confirmado entre os 11, sofreu concussão na cabeça durante o recreativo na manhã desta sexta-feira (14) e virou dúvida para o jogo com o Ceará, pela 31ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O substituto, caso Júlio não reúna condições, é Rodolpho, seu reserva imediato.

Após o choque, o arqueiro alvirrubro abandonou a movimentação no CT Wilson Campos com apoio da maca, sendo a segunda lesão com tal gravidade nessa temporada, ambas pelo torneio nacional. A primeira foi no duelo contra o Atlético-GO, quando o Timbu saiu derrotado por 3 a 0.

Rodolpho pode ganhar nova oportunidade com possível lesão de Júlio César (Foto: Léo Lemos/Náutico)
Rodolpho pode ganhar nova oportunidade com possível lesão de Júlio César (Foto: Léo Lemos/Náutico)

Por ter sido retirado de campo desacordado, a situação fez com que o departamento médico ligasse o alerta. Para o médico do clube, Fábio Ribas, o processo precisa ser completado com exames para afastar os riscos ainda não identificados e destacou que o camisa 1 precisa ficar em observação para ter sua presença definida contra o Vozão.

"Júlio caiu desacordado, porém depois recordou a consciência. Ele teve uma concussão cerebral, mas está consciente, lúcido e vamos fazer um exame de imagem para saber se houve lesão. Ele ficará em observação e, mesmo que a imagem não detecte nada, precisaremos mantê-lo sob a nossa observação, pois dependerá também dos sintomas sentidos pelo atleta", declarou o doutor através da assessoria de imprensa do time.

Ainda que não tenha total exatidão da confirmação de JC, Givanildo Oliveira mantém o mistério de sempre para definir a equipe que vai a campo, apesar da tendência ser da manutenção. O comandante dos pernambucanos, que deve levar "Júlio César (Rodolpho); Joazi, Rafael Pereira, Igor Rabello e Gastón Filgueira; João Ananias, Rodrigo Souza, Marco Antônio e Vinícius; Rony e Bérgson", destaca o quanto é importante sair com três pontos e pede dedicação máxima ao grupo.

Givanildo mantém mistério, mas sinaliza manutenção da base titular (Foto: Léo Lemos/Náutico)
Givanildo mantém mistério, mas sinaliza manutenção da base titular (Foto: Léo Lemos/Náutico)

"Não poderei nunca desprezar a técnica, porque eu sempre fui fã dessa parte e falo para eles sempre a respeito disso. Técnica é importante no futebol hoje, pois às vezes recebemos uma marcação forte e, com isso, acabamos conseguindo espaço e criando situações para marcar gols. A gente sabe que é difícil, esquecendo a parte de jogar bonito, pois o mais importante é ganhar, seja na raça ou na vontade", afirmou o técnico.