Santa Cruz joga mal fora de casa e é derrotado pelo Independiente Medellín

Na estreia em jogo internacional, Mais Querido vê colombianos serem mais eficientes nas finalizações e se complica para garantir vaga

Santa Cruz joga mal fora de casa e é derrotado pelo Independiente Medellín
Foto: Divulgação/Conmebol
Independiente Medellín
2 0
Santa Cruz

Tirando o foco do Campeonato Brasileiro, o Santa Cruz viajou até a Colômbia para enfrentar o Independiente Medellín, pelas oitavas de final da Copa Sulamericana nesta quarta-feira (21). No estádio Atanasio Girardot, quem se deu melhor foram os colombianos, que venceram a partida pelo placar de 2 a 0. Os tentos forma marcados nas partes finais de cada etapa, com Hechalar no primeiro tempo e Cortés no segundo.

Com o resultado, o time estrangeiro poderá perder por até um gol de diferença jogando fora de casa que avançará para as quartas de final da competição. Tricolor precisa vencer por mais de um gol de diferença se quiser pensar em título intercontinetal. Ambas as equipes se enfrentarão no jogo de volta no dia 28, desta vez no Mundão do Arruda. Antes do duelo, o time pernambucano centrará esforços no campeonato nacional. o time encara o Figueirense no domingo (25) às 11h.

As equipes começaram a partida se estudando. Ambos os times trocaram posse de bola e pouco ameaçaram o gol nos primeiros vinte minutos, apesar dos colombianos obterem mais as ações neste período. O primeiro arremate perigoso veio com Moreno, mas Tiago Cardoso estava bem posicionado e a bola passou pelo lado do gol.

Instantes depois, foi a vez do Santa chegar próximo de abrir o placar. Na bola parada, Arthur obriga goleiro colombiano a fazer boa defesa. Mesmo com o time pernambucano com mais tempo de posse no momento, o time da casa abriu o marcador. O atacante Hechalar recebeu boal dentro da área após jogada trabalhada e bateu sem chances para Tiago, levantando os pouco mais de 17 mil torcedores no Atanasio.

Para a segunda etapa, o time de Doriva veio para cima em busca rapidamente do gol de empate. Néris perdeu uma chance e o ataque do Mais Querido não concluíam as jogadas em gol. Aos dez, Tiago Cardoso evitou o gol do 2 a 0, espalmando forte chute de Cabezas. O duelo passou a ficar sem domínio por nenhum dos lados. Precisando do gol, o Santa Cruz pouco chegava na meta rival. Derley teve chance, mas finalização saiu pelo lado. Após substituições, time do Santa Cruz frustrou-se com o estilo de jogo colombiano, que administrava a partida adorando o resultado parcial.

Próximo do fim, o autor do primeiro gol hechalar saiu para dar lugar a Cortés. E o atleta, que acabara de entrar, fez o segundo gol da partida, aumentando chances de classificação na semana que vem. Aos 42 minutos, o atacante escorou de cabeça cruzamento de Piedrahita e deu números finais a peleja.