Lucas Lima lamenta derrota para o Sport, mas segue confiante: "Temos muito a conquistar"

Meia do Santos saiu de campo decepcionado com resultado adverso

Lucas Lima lamenta derrota para o Sport, mas segue confiante: "Temos muito a conquistar"
Equipe santista teve que conviver com lesões e expulsão na derrota para o Sport (Foto: Williams Aguiar/Sport Club do Recife)

O Santos sofreu na partida contra o Sport, disputada na Ilha do Retiro e válida pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro. A equipe acabou sofrendo o gol que determinou a derrota por 1 a 0 logo nos primeiros minutos de jogo, teve que realizar duas alterações por conta de lesão, sofridas pelo zagueiro Gustavo Henrique e pelo meia Vitor Bueno, e ainda viu um de seus jogadores mais experientes ser expulso depois de apenas 18 minutos em campo. Elano sofreu falta na intermediária defensiva, reclamou com o árbitro e recebeu dois amarelos seguidos pela insistência.

Na saída de campo, o meia Lucas Lima não conseguiu esconder a decepção pelo resultado, mas reconheceu a entrega da equipe: "Acho que a gente teve muita chance de fazer os gols, mas entramos abaixo do que vínhamos entrando, acabamos sendo penalizados com o gol por causa disso", disse o jogador, se referindo ao gol sofrido logo aos 10 minutos da primeira etapa, marcado por Rogério, antes de elogiar a postura do time: "É difícil jogar contra o Sport aqui, mas lutamos e mesmo com a expulsão continuamos tentando, mas infelizmente não deu", declarou o camisa 20.

Lucas também fez questão de falar sobre o futuro do Santos no Campeonato Brasileiro, mostrando otimismo com a posição na qual a equipe se encontra: "Temos que lutar até o final, estamos no G4 e ainda temos muito a conquistar. Enquanto a gente tiver chance, a gente vai buscar até o final", afirmou o meia. Apesar da derrota, o Santos não corre riscos de deixar o G4 nessa rodada. Com 45 pontos, o clube ocupa a quarta colocação, tendo perdido a oportunidade de ultrapassar o Atlético-MG, ao menos momentaneamente. A quinta colocação é ocupada pelo Corinthians, que tem 41 pontos e já não poderia alcançar os rivais santistas, mesmo que vença o Fluminense, sexto colocado, amanhã (25).