Buffarini é apresentado no CT da Barra Funda e comemora oportunidade no São Paulo

Lateral-direito herdou a camisa 18, e espera por uma passagem vitoriosa, novamente ao lado de Bauza

Buffarini é apresentado no CT da Barra Funda e comemora oportunidade no São Paulo
O jogador era alvo da diretoria antes mesmo de Bauza chegar ao São Paulo (Foto: Érico Leonan/São Paulo FC)

O sexto e último reforço do São Paulo contratado já no "apagar das luzes", o lateral-direito Julio Buffarini foi apresentado oficialmente nesta sexta-feira (29) no CT da Barra Funda diante da imprensa, e acompanhado do diretor executivo de futebol, Gustavo Vieira de Oliveira. 

O jogador estava no San Lorenzo-ARG e reforça o lado direito que conta com Bruno - titular momentaneamente, Auro e Mateus Caramelo - ainda em recuperação de lesão. Além de Kelvin, já que Bauza pretende usar o novo jogador como opção de ponta. 

Elogiado por Gustavo, Buffarini já estava nos planos da diretoria há algum tempo, um "caso de namoro antigo", que agora pôde ser concretizado, como definiu o diretor. "Posso dizer que é um caso de namoro antigo, afinal o Julio é um atleta que há um ano e meio já era um desejo do São Paulo, frustrado porque não foi possível. Esse momento é aguardado há uns anos. Posso dizer que temos convicção no futebol que o Buffarini vem agregar na nossa equipe. O momento é aguardado há meses. Ele tem característica de atleta que entrega, que joga com paixão, com coração, vai poder mostrar isso aqui”, declarou o diretor. 

Agora dono da camisa 18, o argentino destacou a "felicidade" de poder vestir o manto são-paulino, e agradeceu a persistência da diretoria, que antes mesmo de Bauza virar treinador, já mantinham os olhos atentos para o futebol do lateral-direito. "É uma felicidade muito grande chegar ao São Paulo. Chego com a mesma gana que eu mostrei no San Lorenzo, quero ganhar muito coisa, ganhar títulos, ainda mais em um clube com a história do São Paulo. Seria um sonho meu conquistar títulos aqui. Estou agradecido ao clube, porque fez esforço para me trazer. Já vinha falando de meu nome antes de chegar o Patón”, destacou o jogador, que estendeu. 

“Depois que ele chegou, não digo que ficou mais fácil, mas ele tem confiança em mim, pelo momento que vivemos no San Lorenzo. Mas, à parte de ter a confiança do técnico, estou agradecido ao clube que confiou em mim. E tratar de entrar no campo e retribuir à confiança que me deu. Patón já me utilizou pelo lado direito, em qualquer setor estou à disposição. Sempre fui volante pela direita, nos últimos três anos joguei como lateral e me acostumei. Também já joguei de ponta. No setor direito eu me sinto cômodo, mas essa decisão é do treinador”, explicou. 

Buffarini teve grande destaque no San Lorenzo-ARG ao lado de Bauza, quando sagraram-se campeões da Copa Libertadores da América, em 2014. Agora ao reencontrá-lo, o jogador espera ter uma passagem vitoriosa assim como a anterior. "Estou muito contente de poder estar em um clube tão grande, com muita história como tem o São Paulo. Depois de tantas idas e vindas, pude ter a sorte de fechar e me apresentar a uma instituição muito, muito grande. Tomara que passe as mesmas coisas, de ganhar muita coisa, como o Mundial de clubes. Ainda mais um clube como o São Paulo, com a história que tem, a torcida que sempre está apoiando. Seria um sonho”, finalizou.