São Paulo pode se beneficiar na Copa do Brasil após suposta escalação irregular do Juventude

Lateral Carlinhos estaria relacionado ilegalmente no banco do Papo, podendo prejudicar o clube tanto na Série C quanto na Copa do Brasil

São Paulo pode se beneficiar na Copa do Brasil após suposta escalação irregular do Juventude
(Foto: Arthur Dallegrave/ E.C.Juventude)

Sem sua vaga nas quartas de finais da Copa do Brasil após uma eliminação precoce na última semana para o Juventude, o São Paulo pode se aproveitar de um erro de seu adversário na fase anterior para buscar sua classificação fora das quatro linhas. Na verdade, a acusação que beneficiaria os são-paulinos partiu de um outro clube, o Tombense de Minas Gerais.

Os mineiros entraram nesta última sexta-feira (23) com uma notícia de infração junto ao STJD, onde o lateral Carlinhos teria sido relacionado de foram irregular pelo Papo nas últimas partidas do clube. A liberação do atleta para começar a ser relacionado pelo clube teria sido cassada, desta forma, a presença de Carlinhos entre os relacionados causaria multa de R$ 100 a R$ 100 mil e a perda de pontos do Juventude no Campeonato Brasileiro da Série C, o que interessaria o Tombense, já que o Papo se classificou nas partidas finais à fase seguinte da competição com apenas um ponto à frente da equipe mineira.

Se realmente Carlinhos estivesse sendo relacionado de maneira irregular, o São Paulo poderia levar a classificação do Juventude nas quartas de finais da Copa do Brasil, pois o atleta esteve entre os suplentes no duelo de volta entre as equipes no Alfredo Jaconi, realizado na última quinta-feira (22).

"Quando chegou para o Juventude esse boato, a gente fez esse questionamento para nossos advogados e nos deram um parecer dizendo que estava regular. Já tem uns 15 dias que a gente está sabendo que o Tombense está analisando isso. Não descumprimos em momento algum o regulamento. O Juventude não foi notificado, se porventura isso for processado, vai juntar toda a documentação que tem e respalda a contratação desse atleta. Neste momento, estamos tranquilos, procuramos orientação com pessoas da área e disseram que ele está no BID, o contrato está vigente e não há nenhum problema que possa causar dano ao Juventude. Emprestaram para a gente, jogou normal e saiu. A gente entrou em contato, acertou, emprestou e foi isso. Com a gente não tem nada a ver. Ele tinha um contrato longo, até 2019, acho. Acabou o contrato e ele voltou para o time dele", revelou Jones Biglia, vice-presidente do Papo à Rádio Gaúcha.

A decisão do STJD sobre o caso deverá ser divulgado no iníco desta próxima semana. Se nada for alterado, o Juventude inicia sua batalha por uma vaga as semifinais da Copa do Brasil na quarta-feira (28) às 19h30, em mais um duelo complicado, desta vez, frente ao Atlético-MG no Mineirão.