Cristiane faz exames e vira dúvida para o Brasil nos Jogos Olímpicos

Atacante pode perder de 7 a 12 dias e não deve conseguir voltar a tempo de continuar na Olimpíada

Cristiane faz exames e vira dúvida para o Brasil nos Jogos Olímpicos
(Foto: Buda Mendes / Getty Images)

Durante a vitória do Brasil por 5 a 1 duante da Suécia, uma cena preocupou os torcedores brasileiros. Cristiane, artilheria da seleção e destaque na Rio 2016, deixou o gramado com dores e, após exame realizado nesta segunda-feira, identificou uma lesão na parte posterior da coxa direita. Ainda não é certo se ela conseguirá voltar até o fim dos Jogos Olímpicos.

A seleção feminina de futebol tem conquistado o torcedor com bons resultados e desempenho animador. Entretanto, as meninas brasileiras sofreram uma perda grande no ataque. Cristiane, maior artilheira do futebol olímpico, sentiu dores na coxa direita e precisou ser substituída na hora, sendo carredaga pelos médicos. Um exame confirmou lesão e sua volta é incerta.

A CBF já havia confirmado que a jogadora estava em observação no departamento médico na tarde deste domingo (7). Porém, os exames iniciais deixaram os médicos preocupados, já que a previsão inicial é de 7 a 12 dias para lesões desse tipo, o que tiraria Cristiane até da final dia 19 de agosto.

No início da tarde desta segunda-feira, a Confederação Brasileira de Futebol emitiu um comunicado oficial sobre a avaliação médica: "A atacante Cristiane realizou um exame de ressonância magnética e foi constatada uma pequena lesão no bíceps femural. Existe uma área inflamatória ao redor, que era esperada. A atleta ficará em tratamento fisioterápico e, em momento oportuno, o departamento médico repetirá o exame para avaliar a possibilidade de seu retorno, a tempo de prosseguir nos Jogos Olímpicos".

Cristiane havia marcado um gol de letra antes de ser substituída contra a Suécia. Na estreia da Seleção contra a China, a atacante também deixou o seu e era a principal arma ofensiva do Brasil para o resto da competição.

Sem a atacante do Paris Saint-Germain, a Seleção Brasileira volta a campo nesta terça-feira (9), para a última partida da primeira fase, em Manaus, às 22h. As meninas foram recebidas com muita festa e aeroporto cheio na segunda e a expectativa é de Arena cheia contra a África do Sul.