Vasco recebe CRB tentando manter caça à liderança

Voltando a jogar em seu estádio após sequência de jogos fora, Cruzmaltino precisa da vitória para não ver Atlético-GO disparar; Alagoanos buscam triunfo para manter vivo sonho de acesso

Vasco recebe CRB tentando manter caça à liderança
Fotos: Carlos Gregório Jr/Vasco.com.br
Vasco da Gama
CRB
Vasco da Gama: Martin Silva, Yago Pikachu, Luan, Rodrigo e Alan; Diguinho, Fellype Gabriel (Douglas), Andrezinho e Nenê; Junior Dutra e Éderson. Técnico: Jorginho
CRB: Juliano, Marcos Martins, Adalberto, Audálio e Diego; Matheus Galdezani, Luidy, Matheus e Gerson Magrão; Neto Baiano e Welinton Júnior. Técnico: Mazola Júnior
INCIDENCIAS: PARTIDA VÁLIDA PELA 31ª RODADA DA SÉRIE B 2016. SERÁ REALIZADA EM SÃO JANUÁRIO, SÁBADO (15), ÁS 16h30

O Vasco receberá o CRB em São Januário, às 16h30 deste sábado (15). Por mais que as situações das duas equipes não se assemelhem, os alagoanos ainda buscam uma vaga no G-4, enquanto os cariocas querem confirmar o acesso rapidamente, para retirar a pressão que se instalou nas últimas semanas.

No duelo válido pelo primeiro turno da competição, o Vasco venceu, mesmo jogando fora de casa, contando com um gol olímpico de Andrezinho. A partida que terminou com a vitória dos cariocas por 2 a 1, ainda teve como destaque grande atuação de Martín Silva, goleiro vascaíno, e Leandrão marcando para o Vasco. O gol do CRB foi maracado por Lúcio Maranhão.

Enquanto os vascaínos venceram o Londrina na última rodada, após sequência ruim de resultados, e estão colados no líder Atlético-GO, os alagoanos vêm de duas derrotas, a última delas para o Paraná, e buscam a reabilitação. A cinco pontos do Avaí, última equipe do G-4, a vitória contra o Vasco poderia significar um novo ânimo ao CRB, que desde o início da competição não conseguiu manter a regularidade em suas atuações. 

Vasco conta com a volta de Rodrigo e possível novidade no meio-campo

Após Jomar e Rafael Marques terem jogado as últimas partidas ao lado de Luan, Rodrigo estará de volta ao time titular no duelo contra o CRB. O zagueiro estava liberado por conta de problemas pessoais e voltou aos treinos no início da semana, tranquilizando a torcida vascaína, já que Rafael Marques está suspenso e Jomar sentiu uma lesão ainda no primeiro tempo da partida contra o Londrina.

No meio-campo, ainda há a dúvida sobre quem será titular. Com a lesão de Marcelo Mattos e a ausência de Douglas, convocado para a seleção, Willian e Fellype Gabriel são as duas principais opções de Jorginho para a vaga. Na última partida, o primeiro foi titular e teve boa atuação, porém, nos treinos desta semana, o treinador vascaíno deu oportunidades a Fellype Gabriel, que pareceu ter aproveitado bem e está cotado para ser titular.

Yago Pikachu deve voltar a atuar na lateral, e Alan Cardoso deve receber mais uma oportunidade no time titular. Enquanto os antigos titulares, Madson e Júlio Cesar, foram constantemente criticados pela torcida, os dois jovens que provavelmente serão titulares têm agradado aos vascaínos. Jorginho insistiu em escalar o Pikachu no meio-campo, mas se mostrou evidente que o atleta tem atuações melhores jogando em sua posição de origem.  

CRB tenta corrigir problemas defensivos para conseguir melhores resultados

Resultados diferentes nas duas últimas rodadas teriam deixado a equipe alagoana em uma situação promissora na briga pelo acesso, e tentando recuperar a moral após a derrota por 5 a 3 para o Paraná, uma atitude óbvia do treinador foi buscar consertar os erros defensivos que fizeram a equipe sofrer tantos gols.

"O ataque do time do Vasco é de qualidade, um ataque que se bobearmos, eles fazem gols. É um ataque que possui jogadores que há pouco tempo estavam na Série A ou no exterior. Temos que ter muito cuidado. Dá mesma forma que bobeamos contra o Paraná e tomamos cinco gols, se a gente bobear contra o Vasco, vamos tomar bastante gols também. Mas nosso time está concentrado e focado, especialmente para esse jogo, porque precisamos nos reabilitar no campeonato", disse o goleiro Juliano, quando questinado sobre o poderio ofensivo vascaíno.

Sem muitas alterações nas peças titulares, nos últimos treinos o foco foi a anulação dos principais jogadores vascaínos. Nenê, a grande estrela dos cariocas, será marcado individualmente e terá atenção redobrada sobre si. Porém, mesmo esperando mais perigo do camisa 10 vascaíno, o discurso na equipe alagoana é de marcar forte em todas as situações, pois sabem que todos os jogadores do cruzmaltino têm qualidade suficiente para resolver a partida.