Hóquei na Grama: tudo o que você precisa saber para o Rio 2016

Com 11 jogadores para cada lado, as equipes disputam a vitória durante 60 minutos. Alemanha defende o ouro no masculino, enquanto a Holanda defenderá no feminino. Conheça mais sobre o esporte abaixo

Hóquei na Grama: tudo o que você precisa saber para o Rio 2016
Alemanha e Holanda protagonizaram a final do masculino em Londres 2012 (Foto: Getty Images)

Você conhece o hóquei na grama? Esporte olímpico desde 1908, o jogo conta com equipes de 11 jogadores, como no futebol de campo. Mas, ao invés de utilizar os pés, os atletas utilizam tacos para conduzir a bola até marcar o gol, como no hóquei de gelo. O Brasil tem seleção em atividade no esporte desde 1998 e, para o Rio 2016, conseguiu vaga apenas no masculino.

O hóquei é um dos esportes mais tradicionais no mundo, principalmente o sobre gelo. Embora não seja muito praticado no Brasil, é bastante conhecido, principalmente a liga americana, a NHL. O que muitos não sabem é que existe um outro estilo desse mesmo jogo, não no gelo, mas na grama.

No hóquei na grama, as equipes se enfrentam durante 60 minutos e vence aquele que marcar mais gols, óbviamente. É tão emocionante como uma partida de futebol. Gols, dribles, disputas de pênaltis... todos os ingredientes para dar emoção ao jogo.

- Local onde serão realizados os jogos de hóquei na grama no Rio 2016

O Centro Olímpico de Hóquei, usado no Pan 2007, foi reformado para os Jogos Rio 2016. A estrutura conta com dois campos de grama sintética, vestiários, arquibancada e área administrativa. O complexo servirá à seleção brasileira após o evento.

O Centro Olímpico de Hóquei está localizado no Parque Olímpico de Deodoro, na estrada São Pedro de Alcântara, na Vila Militar, na Zona Oeste do Rio de Janeiro.

- Medalhistas em Londres 2012

No masculino, a Alemanha faturou a medalha de ouro, deixando a prata com a Holanda. A medalha de bronze ficou com a Austrália. Já no feminino, o ouro ficou com a Holanda, único país que faturou mais de uma medalha no esporte nos Jogos Olímpicos de 2012. A prata ficou com a Argentina e o bronze com a Grã-Bretanha. 

- Favoritos para o Rio 2016

No masculino, temos a Austrália e Grã-Bretanha, dois países de muita tradição no esporte, como os favoritos no Grupo A. Já no Grupo B, a Alemanha - dona da medalha de ouro em Londres 2012, é a principal favorita, ao lado da Holanda, outro país de muita tradição no esporte.

O Brasil, apesar da pouca tradição, caiu no Grupo A, e terá uma missão muito difícil. Já a Índia, maior vencedora olímpica do esporte, não conquista uma medalha de ouro desde 1956, e está no Grupo B.

Jan Philipp Rabente comemora um de seus dois gols na final Olímpica de Londres (Foto: AFP)

No feminino, a Holanda é a grande favorita no Grupo A e favorita também a conquistar a medalha de ouro, como em Londres 2012. As holandesas são as maiores medalhistas na história do esporte na competição feminina.

Mas, no Grupo B não podemos descartar a Argentina e a Austrália, outros dois países de muita tradição no esporte. A Austrália tem menos medalhas conquistadas em relação a Holanda, mas tem a mesma quantidade de ouro: 3. Já a Argentina, nunca conquistou o ouro, mas é o segundo país com mais medalhas. (Confira o quadro de medalha abaixo)

A Holanda conquistou a medalha de ouro em Londres 2012 e busca o bi no Rio 2016 (Foto: AFP)

- Curiosidades do esporte

1) A seleção indiana conquistou seis títulos olímpicos consecutivos - de Amsterdã, em 1928, à Melbourne, em 1956, permanecendo invicta por 30 partidas e marcando 197 gols. O Paquistão derrotou a Índia por 1 a 0 na final dos Jogos de Roma, em 1960, interrompendo a hegemonia indiana no esporte.

2) Até 1970, as partidas ocorriam em campos de grama natural. A adoção da sintética deu mais velocidade ao jogo.

- Maiores medalhistas 

Masculino Ouro Prata Bronze Total
Índia 8 1 2 11
Grã-Bretanha 3 2 4 9
Holanda 2 4 3 9
Feminino Ouro Prata Bronze Total
Holanda 3 1 3 7
Argentina 0 2 2 4
Austrália 3 0 0 3