Demian Maia enfrenta Carlos Condit neste sábado em busca de chance por cinturão

Brasileiro vem de boa sequência de vitórias no Ultimate e tem pela frente seu maior desafio na organização

Demian Maia enfrenta Carlos Condit neste sábado em busca de chance por cinturão
Foto: Divulgação/UFC


Neste sábado (27), o brasileiro Demian Maia enfrenta Carlos Condit no UFC em Vancouver, no oeste do Canadá, terra natal de Condit, em busca da oportunidade de disputar o cinturão da categoria dos meio médios. A luta será principal da noite e conta com uma grande diferença de estilos entre os adversários. 

Na terceira posição do - pouco considerado - ranking oficial do UFC, Demian Maia pede uma chance por cinturão a cada luta para Dana White. O paulista vem de uma sequência de cinco vitórias, sendo as duas últimas contra adversários gabaritados e que já estiveram próximos aos tops da categoria, que são Gunnar Nelson e Matt Brown. 

Possivelmente devido ao seu estilo de luta pouco atrativo aos olhos dos espectadores, a luta pela cinturão está sendo adiada o máximo possível para Demian. Porém, caso vença Condit - que já foi campeão da categoria - restará poucas opções para Maia que não seja o title shot. 

Do outro lado, Condit vem de um histórico recente mais irregular. São duas vitórias e duas derrotas nas últimas quatro lutas. Ainda assim, o ex-campeão ocupa a quarta posição no ranking do UFC. Em seu último confronto, enfrentou o até então campeão Robbie Lawler e fez uma luta dura e equilibrada, sendo derrotado por decisão dividida dos juízes, demonstrando assim de que é ainda capaz de lutar em alto nível na categoria, apesar da aparente má fase.

Carlos Condit analisou o estilo de luta de Demian Maia e mostrou sua preocupação e foco em conseguir desvendar o quebra-cabeça que é o jogo do brasileiro dentro do octógono. Poucos adversários conseguem grande mobilidade quando enfrentam Demian. 

"Ele é um pesadelo de estilo para muitos caras, inclusive bons lutadores de chão, porque ele é muito bom nisso. Se pudesse ter uma luta contra um estilo mais simples para ser o desafiante número um, com certeza pegaria esse caminho. Mas é o Demian Maia que eles querem que eu enfrente, então estou empolgado para resolver este quebra-cabeça" contou para a “Fox Sports” americana.

Sobre a chance de disputar o cinturão em caso de uma vitória do canadense sobre o brasileiro, Condit pareceu cético devido à falta de coerência dos chefões do UFC para definir uma luta para o título da categoria, mas se mantém esperançoso: 

"Acho que - acho não, eu sei - que essa luta é basicamente uma luta na qual quem vencer vai ser o primeiro do ranking, o que não quer dizer muito hoje em dia porque as pessoas estão furando a fila. Mas acho que ganhar do Demian sem dificuldades vai me legitimar para outra disputa de cinturão bem rápido", enfocou.

Além de Demian Maia vs Carlos Condit, outra luta que chama muita atenção é o co-main event. Charles "Do Bronx" Oliveira encara Anthony Pettis em uma luta que pode significar muito para ambas por diferentes razões. Em situações opostas no Ultimate, os dois precisam vencer para provar do que são capazes. Enquanto o brasileiro conseguiu cinco vitórias nas últimas seis lutas e quer manter esse crescimento na categoria dos leves até se aproximar da disputa de cinturão, o "Showtime" Pettis teve três derrotas em suas últimas três lutas e busca a recuperação.

Confira o card completo do UFC On Fox 21:

Data: 27/08
Horário: 17:00(card preliminar) - 21:00(card principal)
Local: Rogers Arena | Vancouver, Canadá

Card Principal:
Demian Maia (23-6) vs. Carlos Condit (30-8)
Anthony Pettis (18-5) vs. Charles Oliveira (21-5, 1NC)
Paige VanZant (6-2) vs. Bec Rawlings (7-4)
Jim Miller (26-8 1NC) vs. Joe Lauzon (26-11)

Card Preliminar:
Sam Alvey (27-8, 1NC) vs. Kevin Casey (9-4-1, 2NC)
Chad Laprise (10-2) vs. Thibault Gouti (11-2)
Enrique Barzola (11-2-1) vs. Kyle Bochniak (6-1)
Shane Campbell (12-5) vs. Felipe Silva (7-0)
Josh Emmett (10-0) vs. Jeremy Kennedy (8-0)
Garreth McLellan (13-4) vs. Alessio Di Chirico (9-1)
Ryan Janes (8-1) vs. Adam Hunter (7-1)