Australiano vice-campeão em Londres é favorito no Rio

O adversário direto de Sam Willoughby, da Austrália, é o colombiano Carlos Oquendo, bronze em 2012

Australiano vice-campeão em Londres é favorito no Rio
Sam Willoughby, prata em Londres tenta conquistar o ouro em 2016. (Foto: Jamie Squire/Getty Images)

As quartas de finais do ciclismo BMX aconteceram nesta tarde de quinta-feira. A prova foi realizada em quatro baterias; os quatro primeiros a atravessar a linha de chegada foram classificados para as semifinais. Os demais, foram eliminados. 

A grande surpresa do BMX nesta edição dos Jogos Olímpicos, foi a desclassificação do atual campeão, Maris Strombergs. Já nas classificatórias de quarta-feira, o letão não apresentou bom resultado, conseguindo apenas a sétima colocação. Nas quartas de finais, Strombergs chegou atrás do suíço David Graff, na terceira bateria e, assim, não passou para a próxima fase. 

O medalhista de prata em Londres, Sam Willoughby, da Austrália, conseguiu a melhor pontuação em sua bateria, e já é o favorito ao ouro na Olimpíada do Rio. Carlos Oquendo, da Colômbia, que foi bronze em 2012, também se mostra um grande potencial ao lugar mais alto do pódio na final. 

O brasileiro Renato Rezende não conseguiu pontuar e foi desclassificado. No início do ano, Renato sofreu uma fratura na clavícula, que o levou a fazer uma cirurgia. Isso trouxe muitas dores ao atleta, e a incerteza sobre sua participação na Olimpíada do Rio. Para ele, apesar da desclassificação, ter participado após todos os percalços que enfrentou neste ano, já foi uma grande conquista. 

As semifinais do masculino ocorrem nesta sexta-feira (19) a partir das 13h38 e a final, às 15h10.