Pietro Rimbano vence pelo Brasileiro de Turismo em Interlagos

Classificação geral tem Gabriel Robe, Márcio Campos e Edson Coelho com 122 pontos cada na liderança da disputa

Pietro Rimbano vence pelo Brasileiro de Turismo em Interlagos
(Fernanda Freixosa/VICAR)

O fim de semana da quinta etapa do Campeonato Brasileiro de Turismo, em Interlagos, foi recheado de emoção, principalmente para os pilotos que ocuparam o topo do pódio nas duas provas da rodada dupla. Tanto Edson Coelho, no sábado, como Pietro Rimbano, na manhã deste domingo, conquistaram a primeira vitória de suas carreiras na categoria.

O piloto da Cimed soube se aproveitar e logo assumiu a liderança da corrida. O potencial já era mostrado anteriormente com fortes desempenhos e presenças no pódio. Faltava ainda a vitória.

"No final foi uma corrida bem tranquila, acabei abrindo bastante do segundo e do terceiro colocado e no final foi só administrar. Foi bem legal. Largando de terceiro foi meio complicado: consegui ganhar uma posição, fui para segundo e eu sabia que meu carro era muito rápido durante todo o final de semana", descreveu o piloto de 18 anos. 

"Tanto que ontem eu larguei da última posição, estava em terceiro e deu problema depois. Mas o final de semana inteiro foi sensacional e nessa segunda corrida aqui foi só administrar mesmo, que eu estava muito rápido. Foi bem bacana, minha primeira vitória no Brasileiro de Turismo, bem legal. Agora a confiança aumenta, vamos dar o máximo para tentar entrar na briga pelo título", resumiu o piloto da Cimed Racing, que com o resultado sobe para o quinto lugar na classificação com 110 pontos.

Márcio Campos pode sair de Interlagos satisfeito. Conseguiu dois segundos lugares e foi o piloto que mais pontuou no final de semana. Mas não foi fácli para o atual campeão da categoria. "No começo eu perdi o freio e aí perdi rendimento, porque eu acho que estava atrás do Cozzi e começou a esquentar demais. E eu já vinha com esse problema na corrida de ontem também, então a gente tem que mudar alguma coisa na oficina, porque nosso carro é muito rápido, mas o freio não dura mais que cinco voltas", analisou. 

"De qualquer forma estou feliz, pois tomei a decisão certa na parada de box. Minha equipe disse para eu não parar, mas eu sabia que podia então eu parei "contra" eles, mas acho que isso foi decisivo para garantir essa segunda posição e assumir a liderança do campeonato. Tenho de estar contente, porque eu estava 20 pontos atrás e saio daqui empatado na liderança", apontou o gaúcho da equipe Motortech Competições.

Lukas Moraes, da RR Racing Team, completou o pódio em terceiro lugar, seguido de Marco Cozzi, Dennis Dirani, Luca Milani, Gustavo Myasava, Guto Matiazi e Raphael Reis. Líder isolado da competição até a chegar a São Paulo, Gabriel Robe não pontuou e agora divide a ponta com Campos, seu companheiro de equipe, e Edson Coelho - vencedor da prova de ontem, mas que sequer largou hoje, com problemas mecânicos.

A próxima etapa da principal categoria de acesso à Stock Car acontece em Curitiba nos dias 15 e 16 de outubro.

Brasileiro de Turismo - 2ª Corrida:
1-) 17 Pietro Rimbano (Cimed Racing), 18 voltas em 33min34s757 (média de 138,7 km/h)
2-) 31 Marcio Campos (Motortech Competições) - 14s082
3-) 11 Lukas Moraes (RR Racing Team) - 35s193
4-) 23 Marco Cozzi (C2 Team) - 41s182
5-) 128 Dennis Dirani (W2 Racing) - 41s727
6-) 7 Luca Milani (Nascar Motorsports) - 42s587
7-) 69 Gustavo Myasava (J.Star Racing) - 54s198
8-) 33 Antonio Matiazi (RZ Motorsport) 54s788
9-) 77 Raphael Reis (Hitech Racing) - a 2 voltas
NÃO COMPLETARAM
10-) 86 Gustavo Frigotto (RKL Comps/Água da Serra) - a 7 voltas
11-) 35 Gabriel Robe (Motortech Competições) - a 11 voltas
12-) 79 Adibe Marques (Cimed Racing) - a 11 voltas
MELHOR VOLTA: Lukas Moraes, 1min47s342 (144,6 km/h)

Classificação do Campeonato:
1-) Gabriel Robe, 122 pontos
2-) Márcio Campos, 122
3-) Edson Coelho, 122
4-) Marco Cozzi, 113
5-) Pietro Rimbano, 110
6-) Lukas Moraes, 95
7-) Gustavo Myasava, 91
8-) Raphael Reis, 82
9-) Dennis Dirani, 72
10-) Guto Matiazzi, 71
11-) Gustavo Frigotto, 65
12-) Adibe Marques, 60
13-) Mauri Zaccarelli, 52
14-) Gabriel Casagrande, 40
15-) Luca Milani, 20
16-) Felipe Donato, 17
17-) Danilo Estrela, 16
18-) Artur Fortunato, 12