Sébastien Loeb vence etapa inaugural da Letônia no Mundial de Rallycross

Campeão de rali mostrou desempenho impecável na parte final do evento, superando a concorrência com folga

Sébastien Loeb vence etapa inaugural da Letônia no Mundial de Rallycross
Essa foi a primeira vitória de Loeb no Mundial e a segunda na sua carreira no rallycross (Foto: Divulgação/FIA)

A Base Esportiva de Bikernieki foi o palco da primeira visita do Mundial de Rallycross à Letônia, com direito até mesmo a presença do presidente do país, e além de um grande evento, o público foi agraciado com a primeira vitória de Sébastien Loeb no Mundial, a segunda em sua carreira no rallycross.

O sábado ensolarado da capital Riga deu lugar a chuvas torrenciais, tornando a pista um verdadeiro desafio, e foi nesse meio tempo nas classificatórias que se viu a pior performance de Petter Solberg, onde uma desclassificação por contato excessivo no Q2 e uma batida nas barreiras no Q3 impediram o norueguês de passar para as semifinais, terminando em décimo nono. A punição de sábado fez o piloto quase abandonar o evento em protesto, e após o acidente de domingo, Solberg se limitou a dizer: “O campeonato acabou”.

Quem ficou no topo da tabela foi Johan Kristoffersson com Andreas Bakkerud e Mattias Ekström logo atrás, além da grande surpresa que foi o piloto da DTM Timo Scheider se classificando para as semifinais em oitavo em um agora melhorado SEAT Ibiza RX.

Os representantes da casa, Janis Baumanis e Reinis Nitiss, foram colocados juntos na primeira semifinal, porém Baumanis acabou no muro no início da corrida enquanto Nitiss não conseguiu passar de quinto. No pelotão da frente, Loeb seguiu Kristoffersson até a última volta, e quando o piloto da Volkswagen RX Sweden saiu do coringa, Loeb acelerou com tudo para ganhar praticamente na linha de chegada, com o companheiro do Team Peugeot-Hansen Timmy Hansen chegando em terceiro.

Na segunda semifinal, Mattias Ekström viu durante toda a corrida o Ford Fiesta ST de Timur Timerzyanov vindo logo atrás, mesmo que após a metade da corrida o russo tenha deixado de atacar o dono da EKSRX e tenha se concentrado em pegar a vaga para a final. No terceiro lugar, Andreas Bakkerud tinha Timo Scheider e Davy Jeanney no seu encalço, mas foi somente uma questão de segurar o ímpeto de ambos para o piloto da Hoonigan ficar com a última vaga na final.

Mundial de Rallycross – Letônia – Resultados das semifinais

Na final a primeira coisa a se fazer era não deixar Ekström para mais uma vitória, e foi exatamente isso que Loeb fez após a largada ao fechar a porta do sueco antes da primeira curva, tomando a liderança. Enquanto isso, Timerzyanov passava reto pela primeira chicane e bateu com força no muro, mas saiu completamente bem do carro.

Ekström não deixou de tentar retomar a ponta, mas Loeb foi preciso e rápido como nos tempos do Mundial de Rali, superando a melhor volta da corrida por três voltas seguidas e ficando inalcançável para simplesmente sair do coringa para a sua primeira vitória na última volta. Como na semifinal, Timmy Hansen completou o pódio após lidar com Andreas Bakkerud na terceira volta.

Mundial de Rallycross – Letônia – Resultado da final

Restam duas etapas para o fim da temporada e Mattias Ekström ruma direto ao título com 228 pontos contra 201 do novo vice-líder Johan Kristoffersson e os mesmos 194 de Petter Solberg. A EKSRX ainda lidera entre as equipes com 353, mas vê o Team Peugeot-Hansen se aproximar com 345 pontos.

O próximo evento é uma volta à Alemanha, mas desta vez indo para o circuito de Esteriing, na cidade de Buxtehude no dia 14 de Outubro. Mattias Ekström foca no Mundial de Rallycross e foi dispensado pela Audi de participar da última etapa da DTM, que cai no mesmo fim de semana em Hockenheim.