Lico Kaesemodel conquista título da Porsche GT3 Cup, Marcus Vario triunfa na Challenge

Carlos Ambrósio garante o título da classe Cup Sport e Cristiano Piquet é o campeão da Challenge

Lico Kaesemodel conquista título da Porsche GT3 Cup, Marcus Vario triunfa na Challenge
(Foto: Luca Bassani)

O campeonato de sprint da Porsche GT3 Cup Challenge terminou neste domingo com as preliminares do GP Brasil de F1 em Interlagos, com vitórias de Lico Kaesemodel na classe Cup e Marcus Vario na Challenge.

A jornada definiu ainda os dois campeões que restavam nos campeonatos de corridas curtas: Carlos Ambrósio repetiu a vitória da véspera na classe Cup Sport e saiu com o título da divisão de entrada, enquanto Cristiano Piquet, com o quarto lugar na Challenge, ficou com a coroa da categoria.

As duas corridas foram disputadas sob chuva, com o safety-car comboiando o pelotão na largada. Melhor para Kaesemodel na classe Cup. O campeão largou na pole e liderou todas as voltas com tranquilidade a bordo do carro #63 com as cores da Shell V-Power Racing, o combustível oficial usado pela categoria dos carros de corrida mais vendidos no planeta.

Werner Neugebauer ficou em segundo –seu terceiro pódio consecutivo em três corridas na categoria, mostrando adaptação formidável aos carros. Brilhante, Paludo saiu de 17o no grid para terceiro na bandeirada. Pedro Queirolo e Rodrigo Baptista completaram o pódio.

Na Cup Sport, Marcelo Hahn reafirmou sua velocidade no fim de semana, com uma bela escalada de pelotão: avançou de 16o para décimo, ficando atrás apenas de Ambrósio no pódio da divisão de entrada. Rodolfo Toni e Tom Filho, pelo segundo dia consecutivo, subiram no pódio da categoria.

Pela Master a vitória mais uma vez ficou com Maurizio Billi. Darío Giustozzi mais uma vez terminou em segundo lugar, e Guilherme Figueirôa foi terceiro.

Na classe Challenge quem assombrou Interlagos foi o ítalo-panamenho Marcus Vario. Ele largou em sétimo e não deu bola para a falta de visibilidade. Fez uma quarta volta memorável, iniciada em quarto lugar e terminada na ponta –passou Cristiano Piquet e Rodrigo Mello na primeira freada e assumiu a dianteira superando Otavio Mesquita por fora na subida do Café.

A última reunião do campeonato Sul-Americano da Porsche GT3 Cup Challenge acontece dentro de duas semanas, com a prova de 500 km que encerra o campeonato de endurance.

Cup

A corrida começou sob safety-car por duas voltas pela pista molhada.

Kaesemodel sustentou a liderança na largada, com Marcel Visconde em segundo e JP Mauro em terceiro. Sylvio de Barros e Werner Neugebauer completavam o top5. No Laranja Visconde escapou e JP avançou para segundo lugar.

Na quarta volta Marcelo Hahn escapou da pista. Como Marcio Basso havia escapado ainda sob safety-car e Adalberto Baptista na primeira volta em bandeira verde, o título da Cup Sport sorria para o líder da divisão de entrada, Carlos Ambrósio, que liderava na classe com o nono lugar no geral.

Na quinta volta Werner Neugebauer passou Marcel Visconde por fora no S do Senna para assumir o terceiro posto. Na Junção, Queirolo se lançou por dentro e deixou Sylvio de Barros para trás. Sem a melhor trajetória na subida do Café, o #88 foi superado também por Rodrigo Baptista.

JP Mauro rodou no Laranjinha na passagem seguinte e segurou o carro com perícia. Mas caiu de segundo lugar para oitavo no processo. Queirolo então embutiu em Visconde na curva do Sol e passou. Rodrigo Baptista seguiu a tocada, passando por fora no Laranjinha. Enquanto isso Paludo superava Sylvio de Barros para ser sexto, depois deixou Visconde para trás na reta dos boxes.

Na abertura da oitava volta os primeiros eram: Kaesemodel, Neugebauer, Queirolo, Rodrigo Baptista e Paludo. Em nono, Ambrósio seguia liderando na Sport.

Paludo assumiu o quarto lugar na volta 9, enquanto Lico sofria assédio de Neugebauer pela liderança.

O safety-car então foi acionado para remover o carro de Adalberto Baptista da reta, a cinco minutos da abertura da volta final. Permaneceu até uma volta para a bandeirada.

Na última volta Rodrigo Baptista pressionou Paludo por fora na entrada do S do Senna. O bicampeão defendeu e colou em Queirolo, para assumir o terceiro lugar no Bico de Pato.

Subiram no pódio: Kaesemodel, Neugebauer, Paludo, Queirolo, e Rodrigo Baptista. Em nono Ambrósio ganhou a corrida e o título da Cup Sport. Maurizio Billi, com o 11o , ficou com a vitória na Master.

“Foi difícil hoje na chuva. O JP Mauro no começo me incomodou, mas vi que depois ele rodou. Aí eu fiquei maneirando, porque o carro estava saindo muito de traseira. Depois foi só me concentrar e manter até a entrada do Safety Car. Na hora da relargada pensei em dar tudo nessa hora. Minha relargada foi muito boa e foi essa vantagem que consegui manter até o final. Foi um ano ímpar na minha vida. Desde que comecei com o kart em 95, 20 anos de automobilismo, esse foi o melhor ano da minha vida. Tou muito feliz com todo mundo da Porsche. Feliz comigo mesmo também, me dediquei bastante e agora é comemorar.” Festeja Kaesemodel

 Challenge

A chuva determinou a adoção de safety-car para o início da prova. Depois de duas voltas com o carro de segurança, Otavio Mesquita assumiu a liderança passando o pole Rodrigo Mello. Cristiano Piquet era terceiro, enquanto seu concorrente direto pelo título, Gonzalo Huerta, perdia a oitava posição para Christian Hahn.

Mas o nome da prova era o panamenho Marcus Vario, que largou em nono e já vinha em quarto na volta 3. Na passagem seguinte ele desbancou tanto Cristiano Piquet quanto Rodrigo Mello na reta principal. Grudou em Mesquita no miolo e, na subida do Café, por fora, concretizou uma das ultrapassagens mais plásticas do fim de semana.

A manobra foi decisiva para o desfecho da corrida, já que na volta 5 o safety car foi acionado para remover o carro de Christian Hahn da área de escape do S do Senna.

A corrida relargou na volta 10, a duas do final. Em duelo pelo quinto lugar, Marcio Mauro passou reto no fim da reta, permitindo a entrada de Eloi Khouri no top5. Rodrigo Mello pressionou Mesquita até o final pela segunda posição, mas teve que se contentar com o terceiro.

Cristiano Piquet recebeu a bandeirada em quarto e ficou com o título. Khouri completou o pódio, vencendo também a prova extra campeonato na classe Sport.