McLaren revela o MP4-29 em Woking, Inglaterra

"Flecha de prata" tem bico controverso semelhante à um Tamanduá

McLaren revela o MP4-29 em Woking, Inglaterra
Estilo do bico deve ser consenso entre as equipes (Foto: Reprodução / Divulgação)

Com as novas regras de motores, os engenheiros da Fórmula 1 tiveram que rever conceitos para adequar os novos carros a uma nova categoria. Tentando ser mais “verde”, a categoria adota a filosofia do “maior para o menor”.

Assim os novos propulsores 1.6 V6 fazem parte de uma nova estrutura que incluem a adição do turbo compressor, restrição do fluxo de combustível e um KERS revisado que recupera ainda mais energia oriunda dos freios. Os novos regulamentos permitem que as equipes aproveitem tanto a combustão interna tradicional, além de energias elétricas.

É neste novo cenário que a McLaren revelou nesta sexta-feira (24) o MP4-29, sem pompas e circunstancias. O carro será o último a sair das oficinas da equipe com um motor Mercedes, parceria que se estende há 20 anos. Para 2015 a Honda anunciou que retorna a F1 e remete uma dobradinha vitoriosa que nos anos 90 culminou com os títulos de Ayrton Senna. O carro, ao contrário do modelo 2013, tem o bico mais baixo, e com soluções aerodinâmicas inéditas com um bico semelhante a um tamanduá, e que virou motivo de piadas na rede sociais.

Os pilotos mesclam experiência e aprendizado. Jenson Button, vai para sua quinta temporada. O campeão de 1999, que leva um estilo conservador de pilotagem espera fazer uma temporada melhor do que a de 2013, aonde terminou em 9º lugar. Já Kevin Magnussen, estreia na categoria, oriundo da World Series 3.5 aonde obteve diversas vitórias. Segundo o próprio site da equipe Kevin tem passado várias horas por dia em simuladores para se adaptar o mais rápido possível ao novo carro.