Ricciardo culpa problema no motor por ritmo ruim na classificação

O piloto australiano que não é de ficar dando desculpas, afirmou que poderia ter feito melhor na classificação se não fosse o problema no motor que ele teve na sessão inteira.

Ricciardo culpa problema no motor por ritmo ruim na classificação
Getty Images

E o piloto da Red Bull, Daniel Ricciardo afirmou que teve problema no motor durante toda a sessão classificatória em Suzuka, segundo ele o está perdendo velocidade nas retas, ele que havia feito o sexto melhor tempo na sessão ficando atrás de seu companheiro de equipe, porém ele acredita que se não fosse este problema ele teria feito um tempo bem melhor.

No entanto está não é a primeira vez que esse problema acontece de acordo com Ricciardo, ele afirmou que na semana passada teve também este mesmo problema, porém em Suzuka o efeito tem sido bem maior.

"Eu estava perdendo velocidade nas retas. Não é a primeira vez, tivemos esse mesmo problema na semana passado, mas o efeito não era tão grande como neste fim de semana. É um pouco frustrante porque fiz tudo que podia fazer com o carro na classificação. Não acredito que mesmo sem este problema eu conseguiria me colocar à frente das duas Ferrari porém estaria bem mais perto deles", afirmou. 


Ricciardo também falou sobre a corrida de amanhã, se este déficit poderia custar algo, porém segundo ele na corrida os motores não funcionando no máximo o que pode fazer com que o déficit possa diminuir.


"Uma vez que corremos de forma mais conservadora na corrida, esse déficit deve ser bem menor. Não espera que ele aumente amanhã. No entanto, vou acelerar com mais força amanhã. Não gosto de dar desculpas, mas isso é apenas o que aconteceu hoje, infelizmente". 


Por fim o piloto da Red Bull, confia que amanhã vai terminar no pódio, seja a corrida de baixo de chuva ou de sol, pois ele acredita que tem o potencial para superar as Ferrari na corrida, além de largaram à frente de uma Ferrari vão precisar apenas de superar mais uma para garantir um lugar no pódio. 

"Nosso ritmo em stint longos foi muito bom e sólido e mesmo eu não tendo me classificado da maneira que gostaria, estou bem seguro de que de alguma maneira podemos encontrar um bom caminho amanhã. Mas caso chova, teremos um carro muito forte", finalizou.


O piloto australiano que largará amanhã na quinta posição já que Vettel terá que pagar uma punição com perda de 3 posições em relação ao grid de largada. Além disso em relação ao motor, Ricciardo receberá um novo para o GP dos USA.