Rogerinho bate Elias Ymer e avança à decisão do Challenger de Bourdeaux

Brasileiro está perto de bater seu melhor ranking

Rogerinho bate Elias Ymer e avança à decisão do Challenger de Bourdeaux
Foto: Divulgação/CBT

O paulista Rogério Dutra Silva segue dando sequência à boa fase. Neste Sábado (14) venceu o jovem sueco Elias Ymer, de 20 anos, para avançar à decisão do Challenger de Bourdeaux. Pela primeira vez no torneio o brasileiro perdeu um set, mas manteve-se firme para vencer.

O brasileiro enfrentará o americano Bjorn Fratangelo que garantiu sua vaga após vencer o argentino Maximo Gonzalez com parciais de 7/6 (5) 6/1 em 1h24.

O primeiro set contou com o sueco vencendo mais pontos com seu primeiro serviço com percentual de 87%. Rogerinho venceu apenas um ponto a mais que seu adversário com o segundo saque. Convertendo a única chance de quebra que teve, Ymer venceu a primeira parcial por 6 a 4. Um dado que mostra o equilíbrio é a quantidade de pontos vencidos por cada tenista com 27 pontos para o paulista contra 29.

A segunda série contou com a queda de nível do primeiro saque do sueco que contou com valor de apenas 38% contra 82%. Dutra Silva aproveitou três chances das seis oportunidades que teve para quebrar o serviço do adversário e não teve seu serviço ameaçado. Com essa grande vantagem, fechou a segunda parcial por 6 a 1 empatando a partida em um a um.

O último set contou com o brasileiro superior em percentual com os dois serviços, alcançando 77% com o primeiro e 67% com segundo. O sueco alcançou 73% e 50% respectivamente. A terceira série, assim como a segunda, contou com Rogerinho não tendo seu saque quebrado salvando todas as três chances de quebra que o sueco teve. O paulista aproveitou a única oportunidade que teve e apenas administrando a vantagem venceu o terceiro set e garantiu assim sua vaga para a final do torneio.

Com este resultado, Rogério Dutra Silva está subindo seis posições no ranking e, caso seja campeão do torneio, assumirá a posição de número 85 do ranking nesta segunda-feira (16). A final será às 10 da manhã deste Domingo, horário de Brasília.