ATP 250 de Genebra: Ferrer e Cilic avançam; Bellucci e Isner são eliminados

Dia de tênis na suíça teve altos e baixos

ATP 250 de Genebra: Ferrer e Cilic avançam; Bellucci e Isner são eliminados
Ferrer em ação em Genebra/ Foto: Giuseppe Bellini/ Getty Images

Nesta quarta-feira (18), ocorreram as partidas válidas pelas oitavas de final do ATP 250 de Genebra, na Suíça. 

Na primeira partida do dia, o atual campeão, Thomaz Bellucci, foi eliminado pelo argentino Federico Delbonis - sexto cabeça de chave do torneio - ao perder por dois sets a zero, com parciais de 6/3 e 6/0, em apenas uma hora e três minutos de jogo. Surpreendentemente, o argentino conseguiu neutralizar as ações do brasileiro a partir do 3/2 no primeiro set, e venceu dez games seguidos para conquistar a vitória.

Na sequência, o ascendente jovem russo Andrey Kuznetsov - 40º colocado no ranking da ATP - surpreendeu o sétimo cabeça de chave - Steve Johnson dos Estados Unidos - em sets diretos, com parciais de 7/5 e 6/4, em uma hora e 19 minutos de partida. Outro favorito que foi eliminado foi John Isner. O tenista norte americano foi derrotado pelo tcheco Lukas Rosol por dois sets a um, com parciais de 5/7 7/6 e 7/6, em um jogo muito disputado.

Avançaram também David Ferrer, que bateu Denis Istomin por retirada, sendo que o espanhol havia vencido apenas cinco games na partida, e Marin Cilic, que passou pelo letão Ernests Gulbis.

O atual campeão é o número um do Brasil, Thomaz Bellucci, que na final de 2015 bateu o português João Sousa por dois sets a zero, com parciais de 7/6 e 6/4, para conquistar seu quatro título da carreira. Bellucci é o atual 39º colocado no ranking da ATP e disputa o torneio como última preparação para o segundo Grand Slam do ano, Roland Garros.

Entre os dias 15 e 21 de maio de 2016 ocorre o ATP 250 de Genebra, na Suíça. O torneio distribui cerca de 88 mil dólares de premiação para o campeão, além de 250 pontos no ranking da ATP. Entre os principais favoritos ao título estão o suíço Stan Wawrinka, o espanhol David Ferrer, o croata Marin Cilic e o argentino Federico Delbonis.