Estados Unidos abre 2-0 sobre Croácia e pode garantir vagana semifinal da Davis já neste sábado

Norte-americanos começaram bem, Sock virou sobre Cilic e Isner venceu Coric sem problemas

Estados Unidos abre 2-0 sobre Croácia e pode garantir vagana semifinal da Davis já neste sábado
JackSock alcança virada surpreendente sobre Marin Cilic (Foto: JulianFinney/GettyImages)

Estados Unidos e Croácia iniciaram a disputa por uma vaga nas semifinais da Copa Davis 2016. Nesta sexta-feira (15), o Tualatin Hills Tennis Center, em Portland, recebeu as duas primeiras partidas de simples da série. Os norte-americanos vêm fazendo seu favoritismo prevalecer no confronto, Sock e Isner venceram as suas partidas e eles podem já se classificar neste sábado com irmãos Bryan nas duplas.

Jack Sock (#26) abriu a série contra Marin Cilic (#12) e o surpreendeu com uma virada por três sets a dois, parciais de 4-6/3-6/6-3/6-4/6-4, em 3h16 de jogo. Os serviços de ambos não foram eficientes, mas Cilic era o favorito e começou melhor na partida ficando a um set de fechar, tendo mais chances de quebra e as concretizando.

A partir do terceiro set, o cenário mudou. Sock agora agredia o saque de Cilic, mas melhorou o seu e o sustentava sem problema. Perdeu apenas um ponto jogando com seu primeiro serviço na terceira parcial e não enfrentou nenhum break point. Jack também dominou no penúltimo set, porém, Marin já esboçava uma recuperação.

A quinta e decisiva parcial foi a mais disputada. Cilic conseguiu uma quebra no segundo game, entretanto, só ficou em vantagem por dois games. Sock obtinha sua vantagem no saque e foi mais decisivo nos momentos importantes. Vitória para os norte-americanos.

Em seguida, John Isner (#16) entrou em quadra para confrontar o jovem Borna Coric (#54) e o despachou sem problemas em sets diretos, parciais de 6-4/6-4/6-3, em 2h. Do alto dos seus 2,08m, o norte-americano encaixou 23 aces contra apenas três do croata. Coric sacou bem e empatou com Isner no aproveitamento de ambos os serviços, porém, a experiência pesou.

Borna teve oito oportunidades de quebra, mas não conseguiu concluir uma sequer; enquanto John conseguiu três quebras em sete oportunidades. O croata começou de maneira fulminante na partida, jogando 92% dos pontos com o primeiro saque. Caiu de produção no segundo set e sua reação na última parcial não foi suficiente.

Com 2-0 no placar, resta aos norte-americanos esperar pelos irmãos Bryan neste sábado nas duplas. A dupla com o maior número de títulos em Grand Slam da história (são 16 troféus) enfrentará os croatas Ivan Dodig e Marin Draganja a fim de classificar os norte-americanos para as semifinais da Copa Davis.