Rússia confirma favoritismo e continua firme no sonho do bicampeonato olímpico

Equipe do leste europeu fez valer sua melhor campanha na primeira fase e segue no torneio em busca do segundo ouro consecutivo

Rússia confirma favoritismo e continua firme no sonho do bicampeonato olímpico
Foto: Divulgação/FIVB

Nessa quarta (17) no Maracanãzinho foi disputado o duelo entre Rússia e Canadá pela fase quartas de final do torneio olímpico masculino de voleibol. E numa partida que foi controlada pelos russos durante praticamente o tempo todo, eles não tiveram dificuldades em fazer 3 sets a 0 com parciais de 25/15, 25/20 e 25/18.

Com isso a equipe do leste europeu avança para a fase semifinal da competição onde espera pelo vencedor do confronto entre Argentina e Brasil para saber seu rival na sexta (19), já os canadenses que queriam se provar na elite do vôlei mundial mostraram que apesar dos bons resultados no Rio de Janeiro, ainda estão um passo atrás dos demais.

O jogo começou muito equilibrado com os dois times trocando muitos pontos no ataque e as linhas de passe bem ajustadas, porém dois ataques para fora seguidos fizeram a seleção russa abrir 11 a 8 no placar, com a força do bloqueio europeu e também os muitos erros do ataque canadense levaram o placar para 20 a 12 Rússia, que mantendo a consistência fechou o marcador em 25 a 15.

No segundo set o time russo já foi mais direto no saque e quebrando a linha de passe canadense, abriu rapidamente 8 a 4 e a vantagem sempre se manteve em quatro pontos até uma aproximação do time da América do Norte que encostou no placar no 19 a 18 Rússia, mas na reta final pesou a maior experiência do time europeu que fechou o set em 25 a 20.

Na derradeira parcial do jogo a Rússia e o Canadá trocaram pontos porém mesmo assim o time russo seguia na frente no príncipio do jogo com 8 a 6, na segunda parte da mesma a vantagem se expandiu e os russos e abriu 16 a 10 e na reta final foi apenas administrar a vantagem já conseguida e fechar o jogo em 25 a 18.