Lakers imortaliza camisa de Shaquille O'Neal
Shaq posa ao lado das grandes lendas do Lakers (Foto: Reprodução / Reuters)

Nesta terça-feira (02), o Lakers homenageou um dos seus maiores jogadores, Shaquille O’Neal, com a aposentadoria da camisa número 34 da franquia da NBA. O pivô atuou por oito temporadas em Los Angeles e conquistou três títulos com a equipe.

A cerimônia ocorreu no intervalo da partida em que o Lakers venceu o Dallas Mavericks por 101 a 81. O público presente no Staples Center aplaudiu Shaq de pé.

A camisa 34 de O’Neal foi aposentada e agora ficará no teto do ginásio junto com as de outras lendas da equipe californiana como as de Jerry West (44), Wilt Chamberlain (13), Magic Johnson (32), Kareem Abdul-Jabbar (33), Elgin Baylor (22), Gail Goodrich (25), James Worthy (42) e Jamaal Wilkes (52).

O primeiro a falar foi Kobe Bryant com quem Shaq conquistou três títulos pelo Lakers. A mensagem gravada apareceu no telão do Staples Center e dizia: "O tempo voa. Felicidades ao ser fisicamente mais feliz que jamais vi. Você fez algo histórico nesta cidade. Jogou em outras equipes, mas sempre se lembrarão de você por jogar em uma. Oficialmente está imortalizado. Você merece, aproveite".

Outra figura que foi aclamada no estádio de Los Angeles foi o técnico Phil Jackson que treinou Shaq e Kobe além de conquistar outros dois títulos pelos Lakers. Aos gritos de “queremos Phil”, afirmou ao pivô: “Quero te agradecer por sua dedicação, liderança e trabalho duro”.

Acompanhado por sua família, Shaq agradeceu primeiramente à família Buss, proprietária da equipe, lembrando de Jerry Buss, falecido recentemente.

Sobraram elogios até para Kobe, com quem teve problemas de relacionamento durante o tempo que jogaram juntos.

"Passei milhões de momentos bons com ele e milhares de ruins. O positivo supera o negativo. Se ganhar três anéis seguidos são maus tempos, não quero os bons. Kobe, você é meu companheiro e meu irmão. Estou orgulhoso de te considerar ambos", afirmou.

Com a camisa do Lakers, além dos três títulos Shaquille conquistou o prêmio de MVP (Jogador mais valioso) da temporada em 2000 e o MVP das Finais no tricampeonato da equipe de Los Angeles (2000-2002).