Na prorrogação, Celtics bate Knicks e prolonga série

O Boston Celtics recebeu o New York Knicks na tarde deste domingo (28). Podendo ser varrido dos playoffs, a equipe mais vitoriosa da história da NBA teria que vencer para prolongar a série. E assim aconteceu: vitória por 97 a 90, com direito a prorrogação, e 3 a 1 na série para New York, que não contou com o ala-armador Jr Smith, que pegou um jogo de suspensão por cotovelada em Jason Terry, na partida anterior.  O destaque da partida foi o ala Paul Pierce, que anotou 29 pontos. A próxima partida entre as equipes será na quarta feira (01).

No primeiro quarto já dava pra notar a diferença do Celtics do quarto jogo para o time que estava tomando 3 a 0 sem dificuldades. Com Paul Pierce inspirado, a equipe abriu 18 a 9 logo no começo, mas não conseguiu manter a diferença de nove pontos. Carmelo Anthony fez cinco pontos seguidos, e o primeiro quarto terminou 22 a 17 para os donos da casa. Pierce com sete pontos e Green com seis foram os destaques. Do outro lado, Melo tentou dez arremessos e só acertou dois.

A equipe da casa foi muito bem no segundo quarto e abriu diferença significativa no placar, venceu a parcial por 32 a 18, colocando 19 pontos de vantagem antes das equipes irem para o vestiário. Novamente Jeff Green e Paul Pierce foram os destaques, com nove e dez pontos, respectivamente. O Knicks não contava com o bom desempenho recente do ala Carmelo Anthony, que novamente foi mal na parcial, acertou apenas um arremesso, mas converteu sete lances livres. 54 a 35 para Boston.

Se a defesa do Celtics tinha levado apenas 35 pontos em dois quartos, ela se perdeu no terceiro período e a vantagem também se foi. 30 a 14 na parcial, diferença de apenas três pontos para o último período. O ataque foi o mesmo dos outros jogos, rodando muito a bola e acertando poucos arremessos, apenas 14 pontos no quarto. O armador Raymond Felton fez período impecável, anotou 14 pontos, mesma quantidade do time inteiro adversário.

O último período começou com o Celtics melhor, e conseguindo manter a vantagem de cinco pontos durante os primeiros cinco minutos. O Knicks empatou o jogo faltando três minutos para o fim, e com a defesa fazendo muito bem sua parte, evitou por mais de três minutos que o Celtics pontuasse. Faltando um minuto para acabar, Felton fez a cesta que colocou o time visitante na frente, mas no ataque seguinte Kevin Garnett empatou, 84 a 84, no minuto final apenos erros, e o jogo foi para a prorrogação.

Jason Terry foi o nome da prorrogação, muito criticado durante toda a temporada, o jogador que foi campeão com o Dallas na temporada retrasada, fez com certeza, seus melhores cinco minutos em Boston. 13 a 6 para o Celtics, com nove pontos do ala-armador, festa no TD Garden. O Celtics continua na luta para ser o primeiro time da história da NBA a reverter um 3 a 0.

Destaques do jogo:

Paul Pierce (BOS): 29 pontos, 8 rebotes, 6 assistências.

Jeff Green (BOS): 26 pontos e 6 rebotes.

Kevin Garnett (BOS): 13 pontos, 17 rebotes, 6 assistências. 

Jason Terry (BOS): 18 pontos. 7-10FG. 9 pontos na prorrogação.

Raymond Felton (NYK): 27 pontos, 4 rebotes, 3 roubos.

Carmelo Anthony (NYK): 36 pontos e 7 rebotes.

VAVEL Logo