Guia VAVEL do NBB 2015/2016: Franca Basquete
(Foto: Hugo Alves/ Editoria de Arte VAVEL)

Pelo segundo ano consecutivo umas das franquias mais tradicionais do basquete brasileiro terá time modesto para disputa do NBB. O Franca Basquete perdeu seu principal patrocinador ainda no começo da temporada passada e quase abandonou a competição no meio do caminho.

A equipe, porém, perdeu o grau de investimento de outras épocas e não conseguiu segurar duas de suas jovens promessas. O ala Léo Meindl foi para o Paschoalotto/Bauru enquanto o ala-pivô Lucas Mariano se transferiu para o Mogi das Cruzes/Helbor. Ambos faziam parte da equipe titular de Lula Ferreira, sendo fundamentais para o sucesso da equipe. A grande novidade fica por conta de Nezinho, eterno rival de Franca e agora chega para defende a cidade do calçado.

O que esperar nesta temporada?

Sem peças fundamentais restou ao técnico Lula Ferreira contratar jovens talentosos que ainda brigaram pelo seu espaço no basquete brasileiro como Thiago Mathias, ex-Bauru, e Isaac que chegou nos últimos dias vindo do licenciado Winner/Limeira.

Nezinho foi outro que chegou faltando poucos dias para o início da temporada sendo a peça mais experiente que Lula precisava para ajudar o time em futuros duelos de playoffs. Cauê Borges complementa o backcourt experiente retornando à capital do basquete após passagem na Liga Sorocabana.

Como foi a temporada anterior?

A temporada não prometia grandes resultados para os francanos, mas Lula Ferreira conseguiu mais uma vez tirar leite de pedra e conseguiu levar um time barato e modesto aos playoffs. Com boa participação de Léo Meindl e Lucas Mariano, ambos se tornando titulares, deixaram Franca com a oitava melhor campanha, com 14 vitórias e 16 derrotas, garantindo mando de quadra nos playoffs.

Na primeira rodada o adversário foi o Palmeiras, e cada time fez muito bem o dever de casa, levando a partida para o quinto jogo, no Pedrocão. Na oportunidade, Franca não desperdiçou a chance e se classificou. Na rodada seguinte, o adversário foi o recente rival Paschoalotto/Bauru, e mesmo assim a equipe francana levou novamente para o quinto jogo, mas desta vez, fora de casa, acabou derrotada.

Quem é o craque?

Um dos principais armadores do basquete brasileiro e ironicamente um dos únicos jogadores que pareciam inimagináveis com a camisa franquia. Nezinho chega para guiar esse time aos playoffs, após cinco temporadas com a camisa do Brasília, onde foi tricampeão brasileiro e campeão da américa. Nezinho se aproximou do interior paulista assinando com Limeira na temporada passada, onde teve médias de 13.8        pontos e 5.4 assistências.

Com o pedido de licença da equipe de Limeira, Nezinho viu-se disponível para assinar com Franca e chega para assumir o protagonismo da equipe.

Fique de olho

Antônio é um dos poucos remanescentes da boa safra francana. Com a saída de Marcos Mata para o basquetebol argentino, Antônio deverá ter mais minutos no time de Lula. O ala vai para sua quarta temporada seguida e têm mostrado constante evolução. Chegando da LDB com médias de 13.8 pontos e 4.9 rebotes, Antônio pode ser mais um dos jogadores trabalhados por Lula Ferreira que aparecerão mais nesse NBB.

VAVEL Logo