Apesar de bom jogo, Tyronn Lue reclama da arbitragem em derrota dos Cavaliers: "Não está certo"

Treinador de Cleveland mostrou total descontentamento com arbitragem no primeiro jogo da decisão da NBA

Apesar de bom jogo, Tyronn Lue reclama da arbitragem em derrota dos Cavaliers: "Não está certo"
Noah Graham/NBA/Getty Images

O Cleveland Cavaliers perdeu o primeiro jogo válido pela Final da NBA, em Oakland na casa dos Warriors por 124 a 114. Após um jogo muito disputado, o time visitante chegou a empatar e ter a chance de virar o jogo, mas em um lance estranho JR Smith deixou o tempo estourar, levando o jogo para prorrogação. Durante a prorrogação o time de Cleveland parece não ter entrado em quadra, tendo poucos lances de resposta e de chances para pontuar.

O treinador dos Cavs cedeu uma entrevista, onde mostrou sua indignação com os erros de marcação de faltas pelos árbitros. Em uma pergunta feita pela imprensa referente a falta defensiva de LeBron James em cima de Kevin Durant, Tyronn Lue disse que “Não está certo” se referindo ao fato de a arbitragem rever o lance para ver se o jogador cometeu falta ou não, e também que a arbitragem só pode rever para saber se o jogador estava ou não na linha.

Quando perguntado sobre o lance polêmico de JR Smith, Lue disse que “Ele achava que tinha acabado. Ele achava que nós estávamos a frente. Quem sabe o que teria acontecido se o JR tivesse feito uma bandeja”, defendendo o ala-armador do Cavaliers.

Tyronn ainda reiterou o bom desempenho de LeBron James: “Este é LeBron James. É por isso que ele é o melhor jogador do mundo. Foi épico. Mas para fazer o que ele fez esta noite e ser roubado... Não está certo”, afirmou o treinador.

Durante toda a entrevista Lue mostrou estar muito decepcionado com a forma como o Cavaliers foi roubado, mas também com a falta que fez com que Tristan Thompson fosse expulso de jogo faltando 2 segundos para o fim do último quarto. “Existe uma regra não escrita que fala que se você lidera o jogo e faltam dois segundos, não se faz uma bandeja ou um arremesso”, afirmou o treinador.

Para finalizar a entrevista, Lue disse que o time jogou bem apesar de serem chamados de “underdogs” antes da partida e que estava errado quem esperava que o Golden State Warriors fosse ganhar por um placar muito distante pois não foi jogo de um lado só, mas que espera melhoras para o próximo jogo.