Vanessa Bryant afirma que eleição de Kobe ao Hall da
Fama é 'pico de sua carreira’
Vanessa Bryant, viúva de Kobe | Foto: Divulgação/Los Angeles Lakers

Ainda é inacreditável para alguns a morte de Kobe Bryant. Um dos maiores jogadores de basquete do século XXI – quiçá da história – morreu em um acidente de helicóptero no último mês de janeiro na Califórnia, junto com sua filha Gianna, de 13 anos, e mais sete pessoas. Neste sábado (4), foi anunciado que o atleta do Los Angeles Lakers será integrado ao Hall da Fama da NBA no próximo mês de agosto, junto com Tim Duncan, Kevin Garnett, Eddie Sutton, Rudy Tomjanovich, Tamika Catchings, Kim Mulkey, Barbara Stevens e Patrick Baumann, personagens importantes para o basquete dentro e fora das quadras.

Após a informação ser confirmada pela NBA, a viúva de Kobe, Vanessa Bryant, concedeu entrevista à ESPN dos Estados Unidos e afirmou que sua eleição ao Hall da Fama é o pico de uma brilhante carreira não apenas pelos Lakers, mas pela Seleção Norte-Americana de Basquete. Vanessa e Kobe foram casados por 19 anos e tiveram quatro filhas: Natalia (17), Gianna (13, morta no mesmo acidente de Kobe), Bianka (3) e Capri (nove meses).

“Conquista e honra incríveis, estamos extremamente orgulhosos dele. É o pico de sua carreira na NBA. Todas as conquistas que ele teve como atleta foram um trampolim para estar aqui. Obviamente, nós queríamos que ele estivesse aqui conosco para comemorar. Estamos incrivelmente orgulhosos dele e há algum consolo em saber que ele será integrante do Hall da Fama de 2020”, afirmou.

Foto: Divulgação/Los Angeles Lakers
Foto: Divulgação/Los Angeles Lakers

Kobe Bryant tinha 41 anos de idade e estaria apto para fazer parte do Hall da Fama pela primeira vez a partir deste ano. A lenda do basquete mundial começou a carreira profissional em 1996 e jogou no Los Angeles Lakers até o fim de sua carreira, em 2016, onde marcou 60 pontos em seu jogo de despedida. Diante de tantos prêmios conquistados, venceu cinco vezes a NBA e esteve no All-Star Game em 15 oportunidades.

“Nenhum amontoado de palavras pode descrever completamente o que Kobe Bryant significou para o Los Angeles Lakers. Kobe não era apenas um vencedor e campeão comprovado, ele deu tudo o que tinha ao basquete. Sua competitividade feroz, ética de trabalho e determinação eram incomparáveis. Essas qualidades ajudaram Kobe a nos levar a cinco títulos e agora o levam ao Hall da Fama, onde será consagrado com os melhores que já jogaram. Ninguém merece mais do que ele”, disse a proprietária do Los Angeles Lakers, Jeanie Buss, em comunicado.

Quem também comentou sobre a indução de Kobe ao Hall da Fama foi Magic Johnson, um personagem tão monumental e abrangente quanto Bryant. Em um vídeo, parabenizou o ato, mas lamentou que o evento será uma homenagem póstuma.

“Parabéns ao meu amigo e irmão de Los Angeles Lakers, Kobe Bryant. Fico com o coração partido que você não vai estar lá para receber o prêmio e dar um lindo discurso. Para sua esposa, suas três filhas e seus pais, quero dar os parabéns também. Nós, como família Lakers, estaremos sempre lá apoiando vocês”, disse Magic.

VAVEL Logo